Paulo Delpizzo.

A Novare, uma companhia de São Paulo especializada em soluções para gestão fiscal, gestão de ativos e software e controle de telecom, fechou um acordo para ser a representante exclusiva no país da Equiis, uma companhia suíça de comunicações criptografadas.

O produto da Equiis reúne funcionalidades de chat, troca de arquivos, voz e áudio conferência. O software é gerenciado pelos times de segurança e oferece funcionalidades interessantes como impossibilidade de printar telas em Android e um alerta de print para iOS.

“Acredito que a busca por soluções de comunicação seguras experimentará um boom”, afirma Paulo Delpizzo, CEO da Novare, destacando regulações recentes como a GDPR e a resolução nº 4.658 do Banco Central, que devem elevar a pressão por segurança de dados no setor financeiro.

Nesse sentido, não atrapalha que a Equiis esteja baseada em Zurique, coração do setor financeiro na Suíça, um país conhecido justamente pela qualidade da proteção de dados nesse segmento.

A Novare está no mercado há apenas um ano, mas Delpizzo é um executivo experiente na área de mobilidade. Ele ele era sócio e foi diretor de vendas na Navita, uma das maiores empresas brasileiras no segmento de controle de mobilidade.

Além de Delpizzo, também é sócia na Novare Rosana Fernandes, que também tem uma passagem pela Navita entre 2006 e 2014, quando foi gerente de portfólio de projetos na empresa.