Paul Otelini. Foto: divulgação.

No primeiro trimestre fiscal do ano, encerrado em 31 de março, a receita da Intel caiu 2,5% na relação ano sobre ano, ficando em US$ 12,6 bilhões.

Já o lucro teve queda de 25% na comparação anual, somando US$ 2,05 bilhões.

Na área de PCs, divisão que fica com quase dois terços da receita da companhia, a queda foi de 6%, para US$ 8 bilhões, enquanto em data center, a Intel cresceu 7,5% ano/ano, ficando em US$ 2,6 bilhões.

Na avaliação do CEO Paul Otellini, os resultados se justificam por um “mercado fraco”, no qual, mesmo com as quedas, a “Intel teve boa performance no trimestre".

Otelini também se disse animado com o que vem pela frente para a empresa.

O CEO, que já tem sua aposentadoria anunciada para o mês que vem, divulgou uma projeção de receita de US$ 12,9 bilhões para o segundo trimestre fiscal, com variação possível de US$ 500 milhões para cima ou para baixo.