Baguete
InícioNotícias> Fashion.me entre as 100 mais da Fast Company

Tamanho da fonte:-A+A

STARTUP CRESCIDINHA

Fashion.me entre as 100 mais da Fast Company

Juliana de Brito
// quinta, 17/05/2012 14:01

Os criadores do Fashion.me, Flávio Pripas e Renato Steinberg, têm seus nomes na lista  das cem pessoas mais criativas do mundo dos negócios, da revista americana de tecnologia e empreendedorismo Fast Company.

Divulgação


Com a criação da primeira rede social de moda do país, eles conseguiram a 54º colocação. Outros quatro brasileiros estão no ranking.

No início de 2012, a startup recebeu um aporte da Intel Capital, braço de investimentos de capital de risco da Intel, começando seu processo de internacionalização. Desde que chegou ao Brasil, em 1999, o fundo investiu US$ 75 milhões em 25 empresas.

“Quando enxergamos o potencial de negócios que tínhamos, vimos que a democratização da moda não tinha fronteiras. Fazer parte da lista da Fast Company mostra que estamos cada vez mais no caminho certo”, afirma Flávio Pripas.

Renato Steinberg, sócio fundador, explica o início da startup. “Tudo começou como uma brincadeira, e logo nos primeiros meses tivemos que largar nossos empregos e nos dedicar ao projeto”, diz.

O brasileiro mais bem colocado, em 48º lugar, é Lourenço Bustani, fundador da Mandalah, empresa que se intitula como uma "butique de inovação", com sede em São Paulo e  escritórios em Nova York, Tóquio, Rio de Janeiro, Berlim e Cidade do México.

Carla Schmitzberger, diretora da unidade sandálias da Alpargatas, ficou na 97ª colocação.

A primeira posição coube ao diretor do Instituto de Assuntos Públicos e Ambientais da China, Ma Jun. Em segundo, está Rebecca van Dyck, Chefe de Marketing do Facebook, e em terceiro Adam Brotman, Executivo-chefe da área digital da Starbucks.