MANUTENÇÃO

Tractian capta R$ 80 milhões

17/05/2022 17:59

Rodada foi liderada pelo Next47, fundo americano ligado à Siemens.

Igor Marinelli e Gabriel Lameirinhas. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Tractian, paulistana especializada no monitoramento e análise da vibração e da temperatura de máquinas e equipamentos, recebeu um aporte de R$ 80 milhões liderado pelo Next47, fundo americano que possui a Siemens como investidor âncora.

A rodada, que avaliou a empresa em mais de R$ 320 milhões, contou com a participação de todos investidores anteriores, além da Totvs, por meio de seu fundo CVC, e de Gilberto Mautner, fundador da Locaweb.

A startup foi fundada em 2019 pelos sócios Igor Marinelli e Gabriel Lameirinhas, que têm pais coordenadores de manutenção e sempre acompanharam a quantidade de problemas nas fábricas.

Depois, os dois foram trabalhar na indústria e aprenderam a programar até fazer a primeira versão do sensor e da plataforma de monitoramento de máquinas que existe hoje.

Atualmente, a Tractian atua com um sensor chamado Band Trac, plugado aos equipamentos monitorados para que a plataforma on-line analise a máquina em tempo real.

A solução não precisa de gateways ou integradores e promete aprender o comportamento natural do equipamento após 15 dias de treinamento. Após determinar o padrão de funcionamento, ela avisa por WhatsApp ou e-mail sempre que um diagnóstico for gerado. 

Além disso, a empresa oferece uma solução de gestão de ordens de serviço e automatizações com base nas horas de funcionamento do equipamento.

A Tractian atua em mais de 200 indústrias de diferentes segmentos, como hospitais, shopping centers, indústrias do agronegócio, de maquinário e do ramo alimentício. Entre elas, estão Ambev, Arcelor Mittal, Suzano, Yara, Electrolux e Marilan.

Em Janeiro, a startup anunciou a expansão de suas atividades para o México, onde inaugurou um novo escritório.

"Queremos continuar crescendo exponencialmente no Brasil e internacionalmente. Sabemos que a indústria que possui manutenção preditiva tem vantagem competitiva em relação às demais", destaca Lameirinhas.

A empresa projeta chegar a 600 novas indústrias e 20 mil novos sensores no mercado, além de chegar a 200 colaboradores nos próximos 18 meses. 

“A Tractian tem as condições necessárias para continuar crescendo vertiginosamente e bater de frente com fornecedores industriais antiquados, que insistem em vender suas soluções a preços exorbitantes que não justificam o valor agregado”, afirma Debjit Mukerji, partner da Next47.

Este é o terceiro aporte recebido pela startup, que levantou R$ 17 milhões em rodada seed liderada pela DGF Investimentos em 2021 e R$ 2 milhões com fundos americanos em 2020.

Veja também

FINTECH
Nomad recebe aporte de US$ 32 milhões

Empresa espera chegar à marca de 1 milhão de clientes até o final do ano.

LOGÍSTICA
Rabbot recebe aporte de R$ 23 milhões

Rodada foi liderada pelo fundo Bradesco Private Equity & Venture Capital.

SUSTENTABILIDADE
Stattus4 recebe aporte de R$ 1,4 milhão

Investimento na startup de gestão de recursos naturais foi da Domo Invest.

FINTECH
Solfácil capta US$ 100 milhões

Rodada série C foi liderada pela QED, com participação de Softbank, Valor Capital Group e VEF.

TRANSPORTE
SmartLoad tem novo CTO

A empresa é uma insurtech focada no segmento de transporte de cargas.

EXPANSÃO
A3Data chega a Recife

A mineira de data analytics e inteligência artificial se instalou no Porto Digital.