Acordo prevê a utilização de 10 veículos Renault Zoe. Foto: divulgação.

O Governo Estado do Paraná está utilizando 10 veículos Renault Zoe, modelo 100% elétrico da companhia, cedidos em formato de comodato pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) para uso compartilhado de servidores públicos.

Esses veículos são equipados com um sistema de gestão de compartilhamento desenvolvido pelo Parque Tecnológico de Itaipu (PTI) no Living Lab, espaço criado juntamente com a ABDI em Foz do Iguaçu. 

Por meio do aplicativo MoVe, os servidores podem reservar os veículos disponíveis, acompanhar sua localização, monitorar a velocidade, a carga de bateria e as rotas percorridas, além de outras informações. 

Os carros são desbloqueados por meio dos cartões cadastrados no sistema e, por conta da pandemia, seu uso inicialmente será da Secretaria Estadual de Saúde, para auxiliar nas atividades de combate ao coronavírus. 

“Participar de um projeto de carsharing no Paraná, casa da Renault no Brasil, é motivo de grande orgulho para nós. O nosso objetivo não é apenas vender veículos elétricos, queremos ser referência em projetos de mobilidade sustentável no país”, afirma Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

Para abastecer o tipo de veículo, também devem ser instalados 10 eletropostos de carregamento em Curitiba, capital paranaense.

“O poder público deve ser um indutor de novas ideias, abrir as portas para testes. Foi assim que os países de primeiro mundo se desenvolveram”, ressalta Carlos Massa Ratinho Jr., governador do estado do Paraná.           

Batizado de VEM PR, o projeto ainda prevê o aproveitamento de soluções tecnológicas oferecidas pela ABDI nos municípios do Paraná nos próximos três anos, com objetivo de aumentar a integração e a produtividade das empresas e do setor público. 

“Essa parceria com o Governo do Paraná é muito importante tanto para nós e quanto para o estado, pois servirá de laboratório vivo e promoverá cases reais de cidades inteligentes, sobretudo na questão da mobilidade urbana, que poderão ser replicados em outras localidades”, afirma Igor Calvet, presidente da ABDI.  

O Paraná é a segunda unidade federativa a implantar carros elétricos em sua frota com a ABDI, após o Distrito Federal. O sistema VEM DF foi implantado no ano passado em caráter piloto de compartilhamento de veículos elétricos para frotas públicas. 

Na capital federal, foram fornecidos 16 carros elétricos Renault Twizy e 35 eletropostos.

A Renault concluiu 2019 como líder do mercado de veículos 100% elétricos no Brasil, tendo comercializado mais de 100 unidades no último ano. Ao todo, já são mais de 300 carros circulando pelo país.

Os modelos foram vendidos a clientes finais ou estão presentes em projetos de mobilidade e na frota de empresas e instituições como Itaipu, FedEx, MRV Engenharia, Companhia Paulista de Luz e Força (CPFL), Grupo TPC, Beep Beep e Graphus.

No mundo, são quase 8 mil elétricos da marca sendo compartilhados em cidades como Madrid e Paris.

Montadora de automóveis desde 1898, o Grupo Renault tem sede na França e está presente em 134 países, tendo vendido quase 3,8 milhões de veículos em 2019. 

O Grupo emprega atualmente mais de 180 mil colaboradores, tem 40 unidades industriais e 12,7 mil pontos de venda espalhados pelo mundo.