A Ticket firmou um primeiro acordo de incubação com a startup Collact. Foto: Divulgação.

A Edenred, detentora das marcas Ticket, Accentiv’,Ticket Log e Repom, acaba de firmar um acordo ligado ao programa de Open Innovation no Brasil. Com a iniciativa, a empresa pretende repetir as ações de parceria que mantém com startups fora do país.

A partir do projeto, a empresa firmou um primeiro acordo de incubação com a startup Collact. O objetivo inicial é divulgar o programa de fidelidade vertical para estabelecimentos na rede da Ticket e da Ticket Log, permitindo a atração e a retenção de clientes. 

Com o programa da Collact, as empresas podem conhecer mais informações sobre os clientes e seus hábitos de compras, possibilitando ações que promovam tráfego.

“Graças ao nosso programa estruturado de Open Innovation, prevemos a realização de 4 a 8 novas parcerias de co-criação de incubação, ou de investimento até o final de 2017”, comenta Cyrille Verdier, diretor de estratégia e desenvolvimento da Edenred Brasil.

Nos últimos anos, a Edenred já implementou algumas iniciativas internas de fomento à inovação, com os times de User Experience (UX) e de Design Thinking. 

A empresa também realizou a primeira edição da Certificação em Inovação, treinamento que desenvolveu conceitos de inovação, planejamento, design thinking, user experience, filosofia Agile, Lean Startup e intraempreendedorismo.

Na Europa, a Edenred conta com um braço de investimentos em capital de risco, a Edenred Capital Partners, que investe em jovens empresas inovadoras com alto potencial de retorno. O projeto já deu origem a nove parcerias.

No Brasil, as ações terão foco em co-criação, com a possibilidade de incubação e de investimento nas startups selecionadas. 

“O objetivo da Edenred é acelerar o lançamento de novas iniciativas, por meio da colaboração com um ecossistema de startups conexo a nossos mercados de atuação. Entre os objetivos desta parceria estão a criação de valor para produtos já existentes nas unidades de negócios da Edenred e o desenvolvimento de ideias estratégicas específicas”, completa Verdier.

O grupo Edenred atende a 70 mil empresas e mais de 5 milhões de usuários. Em 2014, a empresa emitiu 17,7 bilhões de euros em cartões pré-pagos e apurou lucro de 1 bilhão de euros. 

No Brasil, a companhia teve um crescimento de 14,1% na emissão de cartões. O avanço nos mercados de benefícios e de gestão de despesas foram de 12,1% e 21%, respectivamente.