João Sebben e Danillo Sciumbata.

A OCA Brasil, um misto de coworking e salas para empresas inaugurado em Caxias do Sul há dois anos, abrirá em maio uma unidade em Porto Alegre.

O espaço, com 3.780 metros quadrados, ficará localizado na Barão de Santo Ângelo, 479, no bairro Moinhos de Vento, uma área nobre da capital gaúcha. O investimento chega a R$ 4,5 milhões.

A OCA se define como um “hub de inovação” e é um sucesso em Caxias, onde tem espaço para abrigar 70 empresas residentes e 130 posições de coworking, além de espaços de convivência, salas de reuniões, escritórios personalizados, células de inovação, espaços para eventos, academia e cafeteria. 

Empresas como Randon, Soprano, Metadados, PCB Connect, rede Marktplace, Dbserver, Uber e Santander são algumas das organizações atualmente com células sediadas na unidade de Caxias. 

O local é a sede do movimento Hélice, uma iniciativa de inovação que une Randon, Marcopolo, Soprano e Florense, grandes empresas instaladas em Caxias.

“Entendemos que a conexão entre a capital e a Serra pode potencializar o desenvolvimento do ecossistema de inovação gaúcho e alavancar ainda mais o Rio Grande do Sul no cenário nacional, preservando as demandas regionais e abrindo uma conexão entre o estado e os grandes centros do Brasil”, explica o head de Cultura da OCA Brasil, Danillo Sciumbata, que ainda tem como sócio João Sebben.

Sciumbata foi coordenador regional em Caxias da Betha Sistemas, uma empresa de software de gestão para o setor público. Sebben é empresário da construção civil com 13 anos de experiência no setor imobiliário. 

A dupla tem planos de abrir ainda neste ano uma unidade em Joinville, em Santa Catarina.