Totem para celulares na Lew'Lara\TBWA. Foto: Zé Carlos Barretta/Folhapress.

A agência de publicidade Lew'Lara\TBWA, de São Paulo, instalou um "totem anticelular" ao lado das salas de reunião para evitar que as pessoas usem o aparelho durante o encontro. Com os dizeres “Que tal deixar seu celular aqui?”, a empresa convida tanto funcionários quanto clientes a largarem os dispositivos.

"O cliente ou funcionário recebe mais atenção e a reunião se torna mais objetiva e mais curta. Todo mundo quer ir embora logo para ver o celular", afirma Marcio Oliveira, 41, presidente da agência, em entrevista à Folha de São Paulo.

Segundo Oliveira, ninguém é obrigado a dispensar o aparelho, mas ele afirma que a adesão é de 100%.

Os participantes da reunião também tem a opção de deixá-los na recepção, onde a recepcionista atende as chamadas e anota os recados. Caso haja algo urgente, o dono é chamado. 

Para Maria Candida Baumer de Azevedo, sócia da consultoria organizacional People & Results, evitar o uso de celular nas reuniões faz os profissionais perderem menos tempo explicando detalhes a quem não está totalmente atento à conversa. 

"As pessoas acham que prestar atenção ao cliente enquanto manda e-mails e vê as redes sociais é ser multifuncional. Mas a verdade é que você acaba não se concentrando em nada", afirmou em entrevista à Folha.