Baguete
InícioNotícias> BB tem integração com ContaAzul

Tamanho da fonte:-A+A

FINANÇAS

BB tem integração com ContaAzul

Júlia Merker
// sexta, 18/08/2017 10:02

O Banco do Brasil e a ContaAzul anunciaram uma parceria que permite que clientes MPE (micro e pequenas empresas) do BB integrem informações bancárias (como saldo de conta corrente e fatura de cartão de crédito), à plataforma da ContaAzul. 

Marco Mastroeni, diretor de Negócios Digitais do Banco do Brasil. Foto: Divulgação.

De acordo com o banco, esta é primeira operação estruturada de Open Banking no Brasil.

A união de sistemas é feita por meio de APIs. O processo de integração das empresas vinha acontecendo em fase de testes há seis meses, com 70 clientes. 

No próximo mês, a expectativa do BB é contar com 1 mil clientes utilizando a solução integrada. A meta é chegar a 5 mil usuários num prazo de seis meses.

A ContaAzul oferece plataforma de gestão empresarial integrada para micro e pequenas empresas. Entre as funcionalidades oferecidas estão acompanhamento de estoque, geração de relatórios gerenciais, emissão de nota fiscal, boletos e do demonstrativo de resultado do exercício (DRE).

Os clientes do Banco do Brasil que já utilizam as soluções do ContaAzul terão uma integração de informações mais rápida e completa, com maior detalhamento no descritivo das transações. 

Para melhorar a experiência do cliente, o Banco está desenvolvendo novas APIs, para agregar mais informações e recursos.

“Com a parceria, o BB passará a oferecer uma experiência completa, de acordo com o que o cliente deseja. A união com parceiros tecnológicos, que entendem de mercado financeiro, vai agregar ainda mais na experiência dos nossos usuários”, diz Marco Mastroeni, diretor de Negócios Digitais do Banco do Brasil.

O Banco do Brasil lançou o Portal do Desenvolvedor, sua plataforma de Open Banking, há dois meses. O local concentra as informações das APIs que o BB oferece aos desenvolvedores de aplicativos. 

Desde a sua abertura, o Banco recebeu cerca de 1 mil intenções de parceria. Algumas foram selecionadas para início de testes a partir desta semana. A expectativa é que novas parcerias sejam anunciadas ainda em 2017.

Fundada em 2011, a ContaAzul foi a primeira startup brasileira selecionada pela 500Startups, um dos principais programas de aceleração de negócios no Vale do Silício, ficando incubada por quatro meses nos Estados Unidos.

Com cerca de 200 funcionários, a ContaAzul recebeu em 2015 um aporte na faixa dos R$ 20 milhões pela Tiger Global. Outros grandes fundos como Ribbit Capital, 500 Startups, Monashees e Valar já investiram na empresa.

Júlia Merker