EVENTOS

Congresse.me recebe aporte de R$ 1,1 milhão

18/08/2020 13:21

Rodada foi liderada pelos fundos Investidores.vc e Gávea Angels, com intermédio da DiliMatch.

Fundadores da Congresse.me. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Congresse.me, startup voltada para a realização de congressos on-line, acaba de receber um investimento de R$ 1,1 milhão em rodada liderada pelos fundos Investidores.vc e Gávea Angels.

A estruturação do deal foi feita pelo BVA Advogados, que recentemente assessorou a Singu no investimento pela Natura. A DiliMatch, especializada em transações entre startups e investidores, atuou pela startup.

A Congresse.me foi fundada em 2018 por Luiz Gustavo Borges, CEO da empresa e também um dos fundadores da startup MePassaAí, além de Guilherme Torrejon (CMO), Dérick Pimenta (CTO) e Maráia Rodrigues (COO).

Entre as ferramentas oferecidas pela empresa, estão a criação dos sites dos eventos, cadastro de palestrantes, salas de transmissão ao vivo, emissão de certificados, envio de e-mail marketing, ticketagem e divulgação.

Com mais de 80 eventos realizados e mais de 500 mil congressistas participantes, a empresa foi, recentemente, uma das selecionadas para participar do InovAtiva Brasil, programa de aceleração do Ministério da Economia.

Em seu portfólio, podem ser encontradas as realizações de eventos para players como Embaixada dos Estados Unidos, associações médicas e EBEC Direito Constitucional.

Segundo a Congresse.me, a necessidade de trazer para o ambiente on-line os eventos e congressos durante a pandemia fez com que, em pouco tempo, a empresa registrasse um crescimento expressivo e acelerasse o processo de atração de novos investidores. 

Em 2019, foram mais de 25 congressos na plataforma, impactando mais de 160 mil pessoas. Somente nos quatro primeiros meses de 2020, a empresa ultrapassou esse número e, em junho, ultrapassou 500 mil inscrições

“Além de já atuarmos desde o ano passado criando eventos de natureza digital, notamos que cada vez mais as corporações têm buscado organizar e transformar os eventos presenciais em on-line, e isso tende a se consolidar nos próximos anos, com o sucesso dos eventos que já deram início a esse movimento”, aponta Gustavo Borges, CEO da Congresse.me.

Com o novo aporte, a startup deve apostar na ampliação do time, investir em tecnologias para aprimorar suas soluções e abrir novas frentes comerciais, buscando incrementar a operação e ganhar escala rapidamente – mirando eventos no Brasil e em outros países.

Até o final do ano a Congresse.me projeta crescimento superior a 700%, além de realizar mais de 200 eventos on-line.

Veja também

VAREJO
NFC-e chega a Santa Catarina

Koerich foi a primeira empresa a emitir a nota fiscal de consumidor eletrônica no estado.

PEDIDO
Heineken tem cardápio digital com Goomer

Solução via QR code será oferecida gratuitamente para pontos de venda no Brasil.

CONTRATAÇÃO
Tech Data tem nova diretora financeira

Com 35 anos de carreira, Marcia Flesch Grillo assume o comando da área no Brasil.

INFRA
Coruripe migra para nuvem Azure

Projeto em uma das maiores produtoras de açúcar teve apoio da Sky.One.

COMANDO
Keyrus renova comando no Brasil

Dois novos nomes na trinca de executivos que comanda a operação no país.

EXPERIÊNCIA
Por que me afastei do ecossistema de startups?

Um meio tão tóxico quanto o corporativo tradicional, porém com videogame e happy hour bancado pela empresa.

COVID-19
Gramado rastreia exposição ao coronavírus com Smart Tour

Cidade turística gaúcha foi a primeira a adotar ferramenta, também utilizada em Florianópolis.

ONLINE
CASE e Startup Summit resolvem fazer evento conjunto

Na adaptação ao novo cenário, ideia partiu das instituições Abstartups, Sebrae e ACATE.

SAÚDE
MCTIC oferece solução Laura para hospitais públicos

Hospital das Forças Armadas foi o primeiro a contar com a ferramenta de inteligência artificial.

FINTECH
MKT Bank recebe aporte de R$ 2 milhões

Com o investimento realizado pela Circle Aceleradora, startup quer chegar a 10 mil clientes em 2021.