Assinatura do contrato no Tecpar. Foto: divulgação/Paraná.

Foi inaugurada em Curitiba nesta sexta-feira, 18, a 12ª unidade no país do Centro de Inovação da Microsoft, nesta ocasião, dentro do campus da Cidade Industrial de Curitiba do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar).

O centro focará em atividades de treinamento de profissionais e incentivo a startups por meio de concessão de licenças gratuitas de software. O Tecpar, por sua vez, vai ceder espaço físico e pesquisadores da entidade e das sete universidades estaduais do Paraná.

O acordo é uma mudança no modelo tradicional de gestão dos centros de inovação da Microsoft, que geralmente são ligados a uma única instituição de ensino, como a PUC-RS em Porto Alegre ou o Senac em São Paulo.

“Isso reforça as competências do Tecpar no desenvolvimento de novas funcionalidades, utilizando a plataforma Microsoft para desenvolver soluções, tanto no setor público quanto no privado”, acredita Júlio Felix, diretor-presidente do Tecpar.

A aproximação com o Tecpar, que é controlado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia do Paraná, e com as universidades estaduais, é uma evolução do namoro da Microsoft com o governo paranaenses.

Em abril, ambas partes assinaram um protocolo de intenções para implementação de uma série de programas e o uso do Office 365 na rede estadual de ensino.

Os programas atingirão 120 mil alunos em 2,1 mil escolas e incluem a disponibilização por parte da multinacional de conteúdos de capacitação básica em TI e o acesso dos professores paranaenses à rede de Parceiros na Aprendizagem da Microsoft.

Também entra no escopo o apoio a startups locais com software de alta tecnologia, suporte técnico e treinamento de negócios por meio do programa BizSpark.

A movimentação é uma virada na estratégia de TI do Paraná, estado tradicionalmente alinhado com a adoção e desenvolvimento de softwares de código aberto através da estatal de processamento de dados Celepar.