José Rizzo, presidente da ABII e CEO da Pollux. Foto: Divulgação.

A Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII) irá reunir representantes das 53 empresas associadas para a sétima edição do Encontro Nacional nos dias 25 e 26 de outubro. O evento será na sede da Totvs, em São Paulo. 

Com o atual momento político do país, o evento propõe a troca de experiências e diálogo sobre a realidade da internet industrial, além de apresentação das perspectivas do cenário pós-eleições. 

“Com o resultado das eleições, esperamos que o país volte a crescer com mais força, independe de quem for eleito à presidência”, afirma José Rizzo, presidente da ABII e CEO da Pollux.

Para Rizzo, houve um “represamento” de projetos que necessitam de investimentos maiores, mas a expectativa é que o próximo governo colabore com um ambiente mais favorável e competitivo para novos negócios surgirem.

“A Internet Industrial é, sem dúvida, uma das principais ferramentas para tornar todos os setores mais competitivos e esperamos que as temáticas de ciência, tecnologia e inovação sejam realmente prioridades dos governantes”, revela. 

A aprovação das reformas previdenciária, tributária e trabalhista também é algo observado pelas empresas do setor. 

“Quando se fala em novas tecnologias, boa parte delas são criadas ou trazidas para o país por empresas novas, então é importante que haja esse estímulo que traga mais facilidade na abertura de empresas a partir de cargas tributárias menores e processos mais simples”, defende. 

Outro ponto defendido pela ABII é a aproximação entre universidades e setor privado para fomentar pesquisas científicas e tecnológicas.

Como novidade para o 7º Encontro Nacional, a ABII lançará uma dinâmica para criar uma competição que irá premiar as melhores práticas voltadas à implementação de Internet Industrial das Coisas (IIoT). 

Para isso, serão formados 3 times com integrantes das empresas associadas à entidade. Cada time fará uma apresentação real e ao vivo de IIoT, para demonstrar a capacidade da tecnologia ao reunir sensores, softwares de análise e pessoas. 

Como prêmio ao time vencedor, o capitão escolhido previamente na dinâmica e mais um profissional irão representar a entidade em um evento internacional com todas as despesas de passagem e hospedagem custeadas pela ABII.

A Associação Brasileira de Internet Industrial iniciou suas operações em janeiro de 2017, como iniciativa da Pollux, da federação de indústrias catarinense e da Embraco.

A entidade foi inspirada no consórcio internacional (Consórcio de Internet Industrial - IIC) criado em 2014 nos Estados Unidos pela AT&T, IBM, GE e Intel, no qual a Pollux é uma das duas representantes brasileiras.

No final do ano passado, a associação se tornou parte do Industrial Internet Consortium (IIC), organização mundial de players de tecnologia pela promoção de padrões de Internet Industrial que inspirou a criação da entidade brasileira.