Marco Damato.

A Deal acaba de abrir uma fábrica de software em Presidente Prudente, município de 220 mil habitantes localizada no oeste de São Paulo, a 558 km da capital.

Devem ser contratados 25 profissionais ao longo de 2015. De acordo com a empresa, a nova unidade foi planejada para entregar 4.000 horas de projetos por mês no primeiro ano.

É a quarta unidade da empresa, que possui uma operação internacional e escritórios em Alphaville (SP) e Curitiba, além da sede localizada na capital de São Paulo.

Com a nova unidade, o objetivo é tornar a operação da empresa mais competitiva e desafogar as equipes de São Paulo. A médio prazo vamos absorver novos projetos de outras localidades”, explica Marco Basílio, diretor de Operações da Deal.

O responsável pela operação será Marco Damato, ex-vice presidente de TI do Banco Credit Suisse S.A. e profissional com passagem pelas áreas técnicas da Unimed Paulistana, BM&F e Banco Santos.

“No oeste paulista e no interior como um todo estão concentradas grandes universidades de tecnologia do país, caracterizando a região como um polo de TI”, analisa Damato.

De acordo com dados do IBGE divulgados no final do ano passado, o PIB da região aumentou 10,01% em um ano e Presidente Prudente permanece como a cidade mais rica, com R$ 5 bi. O valor passou de R$ 14,6 bilhões em 2010 para R$ 16,1 bilhões em 2011.

A cidade também oferece incentivos fiscais para empresas inovadoras de software. Apesar do ISS local ser alto, na faixa dos 5%, a Deal tem um desconto de 40% no valor, por exemplo.

A Deal Group projetava crescer 50% em 2013, chegando a R$ 63 milhões, mas não voltou a divultar resultados desde então.