Parque da Unicamp foi um dos credenciados. Foto: divulgação.

O governo de São Paulo concedeu nesta terça-feira, 19, o credenciamento de atividade para sete novos parques tecnológicos no estado.

Segundo informação da Computerworld, quatro destes empreendimentos ficam em Campinas (Unicamp, CTI, CPqD e Tecnopark) e os outros parques ficam nas cidades de Santo André, Botucatu e São José do Rio Preto.

Com o credenciamento, os parques, através de suas companhias gestoras, poderão solicitar receber incentivos fiscais e estabelecer convênios com o Estado para receber recursos para obras e compra de equipamentos, pelo programa Pró-Parques, do Sistema Paulista de Parques Tecnológicos (SPTec).

A medida também possibilita que instituições de apoio e empresas de base tecnológica utilizem créditos acumulados de ICMS ou diferir o imposto para pagamento de bens e mercadorias.

Criado pelo Governo do Estado, o SPTec tem como objetivo ajudar startups e empreendimentos de TI a atraírem investimentos e gerar novas empresas intensivas em conhecimento ou de base tecnológica.

Atualmente, o estado conta com 28 iniciativas para implantação de parques e iniciativas semelhantes. Iniciado com o Parque Tecnológico de São José dos Campos, em 2010, o programa contemplou outros cinco parques até então: Parque Tecnológico de Sorocaba, Parque Tecnológico de Ribeirão Preto, Parque Tecnológico de Piracicaba, Parque Tecnológico de Santos e Parque Tecnológico de São Carlos (ParqTec).