Famoso letreiro da Nasdaq em Times Square. Foto: flickr.com/photos/patsch

A Nasdaq, bolsa de valores americana especializada em empresas de tecnologia, acaba de fechar um contrato com a Rimini para assumir o suporte do seu sistema de gerenciamento de recursos humanos PeopleSoft.

Ao fechar um contrato com a Rimi, o cliente deixa de pagar a subscrição anual do seu software de gestão (tipicamente, 20% do valor da licença), prescindindo das atualizações do produto e recebendo suporte da Rimini.

A lista de soluções suportadas inclui Business Suite e Business Objects, da SAP, PeopleSoft, JD Edwards, E-Business Suite, Oracle Database, Hyperion e Oracle Retail, da Oracle. A promessa da Rimini é por custos até 90% menores.

O faturamento no ano fiscal 2016 da Rimini foi de US$ 161 milhões, uma alta de 36%. É uma gota d’água nos bilhões de receita de gigantes como Oracle e SAP, mas incomoda: a Oracle inclusive levou a empresa aos tribunais.

O contrato com a Nasdaq, o segundo maior mercado de ações em capitalização de mercado do mundo, onde por sinal estão listadas SAP e Oracle (e mais recentemente, também a Rimini) passa um pouco mais de sal na ferida.