Domingos Monteiro, CEO da Neurotech. Foto: Divulgação.

A Neurotech, empresa focada em inteligência artificial, apresentou um crescimento superior a 30% em receita no ano passado ao chegar a marca de R$ 38 milhões. 

A expectativa é encerrar 2019 com um faturamento superior a R$ 50 milhões. De acordo com a empresa, R$ 40 milhões já estão assegurados pelos contratos fechados no final de 2018.

Com o uso de inteligência artificial, a Neurotech oferece soluções customizadas a partir da plataforma Neurolake, voltada para big data e machine learning. O sistema representou 15% do faturamento em 2018 e deve chegar a 30% em 2019.  

“Essa linha de soluções tem crescido exponencialmente e de forma consistente”, diz Domingos Monteiro, CEO da Neurotech.

A empresa também oferece produtos como o AutoScore, para seguradoras, e análise de crédito para varejistas e instituições financeiras.

“A análise de risco resulta do uso de mais de 15 mil variáveis. São milhares de robôs que coletam dados abertos e públicos na internet. São centenas de fontes a que a gente recorre, e que chegam a 300 milhões de informações todo o mês”, afirma Monteiro. 

Na área de crédito, o sistema complementa as práticas de análise e aprovação das organizações, customizando os modelos de credit score e combinando as análises tradicionais

Em 2018, a Neurotech também lançou uma solução focada em identificar o perfil de consumidores e oferecer insights que buscam a ampliação da base de clientes das empresas. 

A Neurotech tem unidades em Recife e em São Paulo.