NUVEM

Claranet anuncia aquisição da Mandic

19/04/2021 17:21

A Riverwood Capital, principal investidora da comprada, terá uma participação na compradora.

Edivaldo Rocha, CEO da Claranet Brasil. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Claranet Brasil, parte da multinacional inglesa de tecnologia com foco em nuvem híbrida, cibersegurança e plataformas digitais, anunciou a aquisição da Mandic Cloud Solutions, especializada em gestão de cloud corporativo.

A empresa não revelou o valor da transação, mas, em fevereiro, havia anunciado um programa de investimentos de US$ 100 milhões (cerca de R$ 537 milhões) para os próximos dois anos. 

Na fusão, a Riverwood Capital, principal investidora da Mandic desde 2012, terá uma participação de cerca de 4% na Claranet por dois anos. A Olímpia Partnes atuou como consultora financeira exclusiva da Mandic e Riverwood Capital na transação.

Há cerca de 30 anos no mercado brasileiro, a Mandic atua na gestão de ambientes em nuvem corporativa (pública, híbrida e privada) oferecendo soluções de computação em cloud própria, baseada em VMWare, além da AWS, com gerenciamento e serviços profissionais em nuvem.

A empresa adquiriu a área de cloud da Ascenty em 2017 e a Rivendel (DevOps e dados) em 2018. Neste mesmo ano, registrou a marca de R$ 130 milhões em faturamento, o que significa um crescimento de 40% em relação ao resultado de 2017.

Com operações nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, a companhia também possui um centro de excelência e conhecimento corporativo em Maringá, no interior do Paraná, onde se concentram os desenvolvedores responsáveis pela arquitetura de novos projetos. 

A Mandic tem 200 certificações em tecnologias de nuvem e, em seu portfólio, estão mais de 1 mil clientes, como CVC, Natura, Carrefour, Samsung, Ipiranga, Ajinomoto, Nielsen, MaxMilhas, Creditas, PagSeguro, Koin e Nubank.

"Para nós é um grande orgulho unir forças com toda essa nova equipe super engajada e com total alinhamento com os negócios dos nossos clientes. A fusão com a Mandic vai nos permitir acelerar em inovações, bem como investir na expansão do portfólio, olhando para a área de DevOps, na qual a companhia tem grande expertise", destaca Edivaldo Rocha, CEO da Claranet.

Com a aquisição, a operação brasileira da Claranet passa a ter mais de 450 colaboradores e atender mais de 5 mil clientes corporativos. Maurício Cascão, CEO da Mandic, agora assumirá a responsabilidade da inovação na compradora.

"Com experiência e ambição, a Claranet é o grupo certo para criar um futuro de crescimento através da tecnologia para os colaboradores e clientes da Mandic. As empresas são complementares e estamos muito confiantes", afirma Cascão.

Esta é a terceira aquisição da Claranet no Brasil, depois da CredibiliT, em 2017, e da CorpFlex em 2020. No mundo, são mais de 30 compras ao longo dos últimos nove anos. 

"Estamos fazendo no Brasil o mesmo caminho que iniciamos em outros países da Europa, conciliando crescimento orgânico com consolidação do mercado, para atingir a liderança", explica António Miguel Ferreira, do executive board do grupo Claranet.

Fundada em 1996, a Claranet tem foco em cloud computing, cyber security, DevOps, serviços gerenciados e outros. Com sede no Reino Unido, o grupo está presente em 10 países e conta com quase 3 mil colaboradores e mais de 10 mil clientes.

No Brasil, a empresa triplicou a receita em menos de 18 meses e, agora, passa dos R$ 250 milhões ao ano, com clientes como Embraer, Natura, Banco Inter, Lojas Lebes, Bradesco, Samsung, Travelex, Sky, Burger King, Globo, DuPont, iFood, Visa, Ipiranga e Unimed.

Veja também

TMS
Senior compra GKO Informática

Esta é a terceira aquisição da empresa neste ano, além de ser a sua quarta no segmento de logística.

PASSO
Zenvia vai abrir capital na Nasdaq

Empresa brasileira de tecnologia quer captar US$ 100 milhões na bolsa americana.

SENHA
SAP passa adiante vertical de bancos

Investidores vão aplicar € 500 milhões no negócio, SAP fica com 20% pela tecnologia.

BRIGA
Saraiva processa SAP e Infosys

Projeto de implementação de ERP fracassado de rede de livrarias acaba na Justiça.

GESTÃO
Testes são chave para implantar ERP

O ideal é executar três ciclos de testes, cada um deles com objetivos distintos

NOMES
RD Station usa assinatura eletrônica da Unico

RH da startup digitalizou processos internos para os seus 650 funcionários.

COUNTRY
Oracle investe em Nashville

Gigante vai gastar US$ 1,2 bilhão em campus para 8,5 mil funcionários na cidade americana.

NOTEBOOKS
Positivo agora representa a Compaq no Brasil

A companhia brasileira vai fabricar e comercializar computadores da marca global a partir deste mês.

NOMES
Carlos Wizard tem fundo para startups

Mentor S/A tem R$ 50 milhões e uma seleção de estrelas empresariais dentro.

COMUNICAÇÃO
GOL: novos recursos para assistente virtual com Inbenta

Agora é possível realizar processos como check-in e gestão de reservas pelo WhatsApp.