Juliano Statdlober.

A OpServices e Constat realizaram uma integração dos seus produtos, fazendo com que incidentes monitorados pela ferramenta da OpServices gerem automaticamente incidentes dentro do Qualitor, software de gestão de serviços da Constat.

Juntos, os softwares possuem mais de 400 clientes. Um grupo importante deles, não revelado pelas companhias, já é cliente das duas e deve estar entre os primeiros beneficiados pela integração. Os usuários em comum incluem nomes como Unimed Porto Alegre e Odebrecht.

Além de atender a base que tem em comum, as empresas, ambas sediadas em Porto Alegre, visam fortalecer sua presença no mercado vendendo uma as tecnologias da outra, uma vez que os produtos são complementares.

“Com o acordo, ficamos fortalecidos frente a players estrangeiros que tem se interessado pelo mercado brasileiro”, avalia o  diretor de Desenvolvimento da Constat, Juliano Statdlober.

A meta a longo prazo das companhias é estabelecer-se como um líder no mercado brasileiro de soluções para governança de TI e no longo, buscar crescer no mercado internacional.

“Nossa oferta tem qualidade para competir com qualquer outra”, aposta o presidente da OpServices, Dario Bestetti.

Um passo importante nesse sentido são as certificações da  Pink Elephant, líder mundial em consultoria, treinamento e serviços na área de ITIL, usadas como referências por produtos da área.

Em outubro do ano passado, a Constat certificou a última versão do Qualitor nos processos incident management, request fulfillment management e service catalog management.

Além do Qualitor, apenas outros 12 softwares no mundo possuem certificação Pinkverify em service catalog, por exemplo. A meta é certificar mais processos em 2014. A Opservices se prepara no momento para fazer a mesma coisa.

COMO FUNCIONA

Através desta integração, eventos detectados pelo OpMon podem gerar incidentes no Qualitor, de acordo com sua criticidade, e o número do incidente é mantido para referência no próprio OpMon.

Quando o evento voltar à sua situação normal, o respectivo incidente é encerrado automaticamente no Qualitor. 

Outra possibilidade da integração é a visualização centralizada de KPIs do Qualitor em painéis no OpMon, através dos indicadores coletados no Qualitor pelo OpMon Dashboards.

O Qualitor é focado em  gerenciamento de atendimentos, podendo ser utilizado em Service-desk ou Help-desk, SAC – Serviço de atendimento a clientes, CSC – Centro de serviços compartilhados ou Ouvidorias.

OpMon pode monitorar qualquer tipo de dispositivo que gera dados como redes, roteadores, switches, servidores, sistemas operacionais, web, FTP, e-mail, banco de dados, máquinas virtuais, impressoras, no-breaks, NFe, processos de negócios, entre outros.