STARTUPS

Salve Salto é selecionada pela Wow

19/05/2015 17:17

A startup oferece uma loja virtual de customização de sapatos. 

Gabriela Piageti e Rogério Wanderley, fundadores do Salve Salto. Foto: Denise Wichmann.

Tamanho da fonte: -A+A

O e-commerce de sapatos femininos Salve Salto foi selecionado pela Wow para receber um investimento de R$ 150 mil, além dos benefícios associados ao processo de aceleração, como mentorias e capacitações.

A startup oferece uma loja virtual de customização de sapatos. No site, é possível escolher o tipo de sapato - entre sapatilhas, scarpins, peep toes e outros - tamanho do salto, material e cor. 

Além disso, a empresa oferece opções pouco encontradas no Brasil, como o tamanho de meio ponto (36,5, por exemplo) e a possibilidade de comprar um par de sapatos do mesmo modelo, mas com tamanhos diferentes para cada pé.

Tamanhos difíceis de encontrar em lojas tradicionais, como 34 ou 40, também podem ser pedidos pelo portal.

“Muitas das vendas são feitas para pessoas que tem dificuldade de encontrar sapatos no comércio tradicional, como mulheres muito altas. Também somos procurados por travestis, por exemplo, que precisam de sapatos com numeração maior do que a usualmente vendida nas lojas femininas”, relata Rogério Wanderley, CEO da Salve Salto.

Lançado oficialmente em outubro de 2014, o site havia vendido cerca de 200 pares antes do início do programa de aceleração. O objetivo até o final do ano é vender, pelo menos, uma média de 700 pares por mês.

Para o lançamento, a empresa contou com o investimento de Ivanir Antoninho Ziliotto, CEO da Ruá Sistemas, que em 2011 vendeu a divisão de sistemas de gestão da sua empresa para a catarinense Senior e mantém atuação ainda no mercado de controle de acesso. 

Segundo a Salve Salto, em torno de R$ 200 mil reais foram aplicados por Ziliotto no negócio.

Com a customização feita pelas clientes, a empresa desenvolveu uma logística de workflow para tornar possível fabricar os modelos montados por cada comprador.

“Entre os 200 vendidos, apenas 3 ou 4 pares foram costumizados da mesma maneira, então temos um processo de enviar para a fábrica junto com os pedidos o material que será necessário para cada um já organizado”, comenta Wanderley.

Após o pedido no site, o sapato leva cerca de 30 dias para ser entregue ao cliente.

Veja também

ACELERAÇÃO
PUC-RS investe R$ 1 milhão em startups

Receberação o auxílio as empresas SmartLife e WinNova.

ACELERAÇÃO
uMov.me Labs seleciona vencedoras

As startups receberão um investimento de R$ 30 mil.

CAPACITAÇÃO
Sebrae abre inscrições do Startup RS

As 20 empresas selecionadas recebem mentorias, participação em eventos e outros benefícios.

MOBILE
Paquetá: vendas via celular sobem 34%

As vendas por mobile representam 16% da comercialização on-line da Paquetá.