Jeferson Matins Ferreira. Foto: divulgação

Uma parceria firmada no último ano com a porto-alegrense Soluzzione tem impulsionado os negócios da Brastorage no Rio Grande do Sul, onde a paulista focada em serviços de infraestrutura de TI tem unidade desde 2010.

O diretor da regional Sul da companhia, Jeferson Matins Ferreira, não divulga números de faturamento, mas destaca que, atualmente, a operação atende a 15 clientes ativos, e que a parceria local ajudou em cerca de 35% disso, só em 2011.

Ferreira foi um dos participantes do Seminário Gestão de TIC, realizado pela Sucesu-RS de 15 a 17 de junho em Bento Gonçalves. Brastorage e Soluzzione também patrocinaram o evento.

“O mercado gaúcho é peculiar, você leva tempo para conquistar a confiança do cliente, para entrar com seu produto. O contato de quem já está próximo a este mercado, que já tem sua credibilidade, é fundamental”, comenta o executivo.

Prova disso é a conquista de clientes como a Mundial, sediada em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, uma das regiões consideradas mais árduas no quesito persuasão do cliente por dez entre dez empresas de fora que chegam ao estado.

VEZES DOIS
“Trata-se de um consumidor que exige atenção, presença local. Para nós, ter esta presença aliada ao fomento trazido pelo networking da Soluzzione tem sido valioso. Tanto que projetamos dobrar a base de ativos no estado este ano”, comenta.

Ponha atenção nisso: para abrir a unidade porto-alegrense, a Brastorage enviou nada menos do que um sócio fundador – o próprio Ferreira.

Rendeu: já em 2011, a regional respondia por cerca de 35% do faturamento geral, e a linha IBM, marca da qual a companhia é Premier Business Partner gerou ganhos projetados em torno de R$ 8 milhões.

Além de Ferreira, a operação conta com uma equipe comercial e uma técnica, que por hora devem se manter focados exclusivamente no estado.

“Temos planos de atender também a Santa Catarina e Paraná, mas por hora ainda há muito potencial do mercado gaúcho a ser explorado. Futuramente, pensaremos esta expansão”, ressalta o gestor.

Para garimpar este potencial, a Brastorage tem como público-alvo organizações de faturamento anual médio acima dos R$ 50 milhões.

Hoje, além do já citado, também constam na carteira de atendidos pela companhia no estado outros nomes de peso, como Stemac.

NACIONAL
Além de Porto Alegre e da matriz em São Paulo, a Brastorage também tem filial no Rio de Janeiro.

Ao todo, são cerca de 60 clientes, atendidos por uma estrutura que também abrange um NOC próprio, na capital paulista.

Isso, segundo Ferreira, permite reduzir o custo de gerenciamento de infraestrutura de TI em pelo menos um terço do tradicional para o cliente final.

A oferta inclui toda a cadeia de serviços de infraestrutura de TI, em um modelo de consultoria end-to-end, o que equivale a atuar desde a concepção da estratégia de infra, passando pelo planejamento e execução de projetos, até o relacionamento de longo prazo via outsourcing de estruturas de missão crítica.

Conforme o diretor da regional Sul, a companhia vai de IBM para montar uma infra, mas em serviços, é “agnóstica”.

“Nossos serviços de gestão podem ser contratados para ambiente composto por equipamentos de qualquer fabricante”, comenta ele.

PARCEIRAÇA
Já a parceira local, Soluzzione, é especializada em expansão de negócios e fechou 2011 com crescimento de 40%, com meta de elevar o índice para 45% em 2012.

Para manter a expansão, no ano passado a empresa se reestruturou internamente, com novas diretorias, e ampliou a carteira para além do tradicional mercado de TI, o que incluiu clientes como Associação Brasileira de Odontologia – RS, Carrier, Lojas Renner e AGCO, entre outros.

A companhia é estruturada em três unidades - Expansão (atuação com parceiros), Consultoria (focada estratégia e marketing de relacionamento), e Gestão (Gestão de Projetos e PMO).

Para conduzir os negócios, ao longo de 2011 a Soluzzione se redesenhou, com a criação das diretorias Executiva e de Planejamento e Marketing, ambas vinculadas à presidência da companhia, comandada por Sílvia Somenzi.

"Entendemos que o processo de parceria funciona devidamente com parceiros sérios, competentes, comprometidos e que estejam dispostos a atuar com uma estratégia conjunta, com foco no público-alvo", afirma Sílvia. "A  Brastorage tem se mostrado um parceiro que gera resultados e está disposta a crescer conjuntamente. Isto é atuar em parceria, pensando além de um negócio apenas, mas em uma relação de negócios sólida e
com longevidade", finaliza.

Gláucia Civa cobriu o Seminário Gestão de TIC da Sucesu-RS, em Bento Gonçalves, a convite da Sucesu-RS.