Lexmark com nova gerência no Brasil. Foto: divulgação.

A Lexmark anunciou nesta segunda-feira a contratação de Luiz Claudio Menezes, ex-G&D e Progress, para assumir a função de gerente geral da companhia no Brasil.

Menezes, que atuava desde 2011 como VP e diretor da alemã Giesecke & Devrient - empresa especializada em impressões para bancos e casas de moeda - na América Latina, ocupará a cadeira deixada por Carlos Eduardo Bretos.

Em fevereiro, Bretos assumiu vice-presidência e gerência geral para a América Latina da fabricante de impressoras. A informação é da Computerworld.

Menezes é formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal Fluminense (UFF-RJ), com especializção em Finanças pela GE-FMP e MBA em Marketing e Negócios Internacionais pelo ISPA-SP.

Com 20 anos de experiência no setor de tecnologia e impressão, o executivo atuou em empresas como GE, ABB, como Informix Software, IBM e Progress Software.

Com o reposicionamento de profissionais em funções de gerência, a empresa planeja reverter maus resultados em uma fase de transição, deixando de lado as impressoras de jato de tinta para concentrar-se em máquinas laser e serviços de impressão.

Em 2012, o faturamento caiu 9% para US$ 3,79 bilhão, mas o Brasil e América Latina tem um peso acima da média nos negócios.