No momento, cinco opções de modelos são oferecidas. Foto: divulgação.

O Itaú Unibanco lançou um programa de leasing com a marca iPhone, onde os clientes com cartões do banco poderão alugar modelos do smartphone por 21 meses e, ao final do período, escolher se querem comprar o restante, devolver ou trocar de aparelho.

Segundo a instituição, o valor cobrado no parcelamento equivale a 70% do preço do smartphone e, caso o cliente decida adquirir o iPhone após esse período, deve pagar os outros 30% em uma última parcela.

Caso escolha trocar o produto em uso por uma nova versão, abre-se um novo ciclo de financiamento. O cliente ainda tem a opção de devolver o aparelho e sair do programa. Nesses dois casos, não é necessário pagar os 30% restantes.

Os modelos disponíveis são iPhone 11, iPhone 11 Pro, iPhone 11 Pro Max, iPhone XR e iPhone SE e a adesão pode ser realizada por meio dos aplicativos do banco ou da Itaucard.

Definido o modelo, o cliente deve receber o smartphone no endereço indicado durante o processo de compra e passa a pagar, na fatura mensal de seu cartão, parcelas a partir de R$ 140,91 sem juros.

O programa é limitado a um aparelho por CPF e é preciso ter limite disponível no cartão suficiente para cobrir o valor total do celular escolhido.

"Estamos muito entusiasmados em apresentar a nossos clientes o novo programa ‘iPhone pra Sempre’, oferecendo uma forma totalmente inovadora para aquisição do smartphone. O mercado brasileiro geralmente trabalha com parcelas de até 12x, o que torna o valor de cada parcela mais caro", afirma Rubens Fogli, diretor de negócios digitais do Itaú Unibanco.

O Itaú tem cerca de 70% da base de clientes presente em seus canais digitais, o que significa cerca de 13 milhões de pessoas físicas e, se somadas pessoas jurídicas, o número chega a 14,5 milhões.

No aplicativo principal, são cerca de 12 milhões de usuários por mês, enquanto o app lite, sua versão mais leve, agora tem 850 mil usuários. 

No internet banking, o número está entre 3 milhões e 3,5 milhões por mês, sendo que grande parte dos clientes usa tanto o site quanto algum dos aplicativos.