FACES

Unico terá B1 da SAP

19/08/2021 10:24

Idtech mais badalada (e investida) do país fecha contrato com a Megawork.

Unico pode reconhecer 60% da população brasileira. Foto: Reprodução.

Tamanho da fonte: -A+A

A Unico, companhia brasileira em alta no segmento de assinatura digital e biometria facial, vai implementar o sistema de gestão Business One da SAP, em um projeto com consultoria da Megawork.

O principal objetivo com a implementação do ERP é ter mais eficiência e celeridade nas informações operacionais e financeiras da companhia, gerando assim maior controle nos números contábeis para tomada de decisão dos investidores.

Vale lembrar que neste mês a Unico levantou R$ 625 milhões em rodada liderada pelos fundos da General Atlantic e do SoftBank, entrando no seleto grupo dos unicórnios brasileiros, como são conhecidas as startups com avaliação superior a US$ 1 bilhão.

Menos de um ano atrás, a empresa já tinha recebido outra rodada de R$ 580 milhões.

“A solução de gestão direcionada ao negócio e com organização dos processos vai contribuir para o dinamismo da unico considerando o crescimento rápido sem perder controle e qualidade nas informações”, afirma Bruno Soares, líder do projeto da Unico.

A Unico afirma ter hoje o maior banco de dados de biometria facial do país, capaz de reconhecer mais de 60% da população brasileira. 

Mais que isso: essa base de dados tem múltiplas fotos de cada indivíduo, o que diminui muito a margem de erro e gera valor para os clientes, hoje na casa dos 800, incluindo Magazine Luiza, Pernambucanas, C6Bank, Banco Original e B2W.

Além da biometria, a empresa também tem soluções de assinatura digital, com as quais entrou no mercado em 2007 (na época, a empresa era conhecida como AcessoDigital).

As aplicações dos produtos da empresa incluem o processo de cadastro em bancos, fintechs e varejistas, conhecido no jargão como “onboarding digital”, além de digitalização de processos de RH e outros baseados em assinaturas digitais.

Apesar de estar adotando o B1, que é um software orientado para empresas médias, a Unico tem um faturamento de gente grande. 

Segundo revelado pelo Brazil Journal, a Unico fez uma venda recorrente anual de R$ 150 milhões em dezembro passado. A expectativa é chegar a R$ 400 milhões no final deste ano.

A escolha da implementadora talvez tenha que ver com os planos futuros da Unico.

A Megawork foi uma das primeiras parceiras para a linha B1 no Brasil, começando a vender o produto em 2006, um ano depois do lançamento no país (o software tem hoje 7,5 mil clientes no país, um pouco mais de 10% da base mundial).

“Ao longo do tempo nos especializamos em projetos complexos, e estamos aportando toda esta experiência para suportar todo o crescimento e expansão da Unico”, comenta Alberto Freitas, VP de Estratégia e Operações da Megawork.

Mas a Megawork também está capacitada para implementar soluções da SAP na área de analytics ou e-procurement, além de ter uma fábrica de software e uma oferta de software para a área fiscal, que podem ser necessidades futuras da Unico.

A Megawork tem 250 profissionais, opera em todo o país com unidades em São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Santa Catarina.

Veja também

AQUISIÇÃO
Unico compra CredDefense

A empresa paulista é especializada em soluções antifraude por meio de biometria facial.

RH
Hypera Pharma agiliza admissões com Unico

Com assinatura eletrônica biométrica, a farmacêutica reduziu o tempo de contratação em até 50%.

COLHEITA
J&H Sementes adota SAP B1

ERP foi implementado pela Liberali, parceira com forte presença no agro.

ARRUMAÇÃO
Unico: time para tudo para resolver ineficiências

Equipe de engenharia da empresa ficou três meses focada em débitos técnicos.

SAP
MSG tem planos para o Brasil

Não sabe quem é a MSG? Claudio Elsas e Frank Dorr querem mudar isso.

TIME
Unico contrata VP da Salesforce

Novo reforço de peso, Igor Ripoll passou ainda por Oracle e Microsoft. 

PORTAS
SAP faz aproximação com Google Cloud

Google está em boa posição para entrar com força na base de clientes da SAP.