Frederico Tarrago, especialista de inovação e processos do Hospital Moinhos de Vento. Foto: Divulgação.

O Hospital Moinhos de Vento colabora há três meses com a startup gaúcha StarGrid no desenvolvimento de um sistema de geração de escala de trabalho com uso de inteligência artificial.

A plataforma elabora automaticamente a escala de acordo com os profissionais cadastrados e facilita ocorrências como trocas de turno, faltas e contratempos. 

O sistema gere as alterações e notifica os usuários sobre as mudanças.

“A solução proporciona maior eficiência da assistência na construção e gestão das escalas, reduzindo o tempo com atividades administrativas e aumentando a satisfação dos colaboradores, além de inibir a elaboração de escalas que possam ferir a legislação trabalhista”, afirma Frederico Tarrago, especialista de inovação e processos do Hospital Moinhos de Vento.

Antes da parceria com a StarGrid, a geração de escalas era feita de forma manual pelos departamentos.

“Agora a geração é automática com base no algoritmo, que considera as obrigações legais, base de negócios do hospital e pode incluir preferências dos usuários, como dia mais desejado para folgas”, detalha Tarrago.

O sistema está em uso, ainda em período de projeto-piloto, na área assistencial da organização.

“Conhecemos a StarGrid ao buscar uma solução para o processo de escala e vimos que era necessária uma parceria para elaborar a ferramenta que precisávamos, Colaboramos com a StarGrid com o conhecimento de negócios dos hospital, enquanto eles oferecem a experiência em inteligência artificial e desenvolvimento”, completa Tarrago.

No futuro, a ideia é expandir o uso da ferramenta para outras áreas do hospital e adicionar novas funcionalidades para contar com um sistema mais amplo de gestão da força de trabalho.

Inaugurado em 1927, o Hospital Moinhos de Vento conta hoje com mais de 3,5 mil colaboradores e 2,8 mil médicos credenciados. A organização tem mais de 470 leitos e 17 salas no centro cirúrgico.