MUDANÇA

Virginia é a nova CEO da GS1 Brasil

20/01/2014 12:36

Executiva substitui Celso Couto, que saiu da entidade no fim de 2013.

Virginia Villaescusa Vaamonde. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Associação Brasileira de Automação (GS1 Brasil) tem Virginia Villaescusa Vaamonde como sua nova CEO. Ela substitui Celso Couto que saiu da instituição no fim de 2013 depois de atuar por quase dois anos no cargo. 

A entidade não explicou a mudança.

Na nova função, a executiva tem como objetivos ampliar o relacionamento da GS1 com entidades parceiras, associados, fabricantes, distribuidores e varejo de mais de 20 setores da economia. 

Virginia atua na instituição desde 1997 e tem experiência nas áreas de Marketing e Soluções de Negócios, Comunicação e Eventos e Relações Institucionais. Agora substitui o ex-CEO Celso Couto.  

Ela também é membro do Advisory Council da GS1, formado por representantes da associação de 20 países, para discussão das estratégias globais.

A GS1 Brasil, entidade de apoio a tecnologias de automação no país, comemorou seus trinta anos no país em novembro. Em 2014, mudará de sede em São Paulo. O novo local terá 350 metros quadrados e contará com um Centro de Inovação e Tecnologia.

Atualmente, a instituição conta com 57 mil empresas associadas, que atuam em cerca de 22 setores, desde indústria, varejo, passando por saúde e setores públicos. Em suas ações, cerca de 15 mil pessoas são treinadas atualmente no uso de tecnologias de automação.

Veja também

MODELO PARA GS1 GLOBAL
GS1 Brasil: CNP na nuvem da MS

Entidade lança o Cadastro Nacional de Produtos, plataforma baseada em Internet quer roda na nuvem Azure, da Microsoft, e tem recursos para gestão e controle de numeração de mercadorias cadastradas nos padrões globais.

EM 2014
GS1 e OMA: padrão no código de barra móvel

A GS1 e a Open Mobile Alliance (OMA) firmaram uma aliança para criar uma especificação padrão para habilitar a leitura de código de barras em dispositivos móveis.

CONTROLE LOGÍSTICO
Holambra vai de RFID para distribuição

Tecnologia serve para reforçar o controle logístico de cerca de 1,1 milhão de embalagens.

SAÚDE
Anvisa: medicamentos mais rastreáveis

Os brasileiros são os que mais consomem medicamentos falsificados no mundo.

AUTOMAÇÃO
GS1: 30 anos e centro de inovação no país

Entidade está de mudança para uma nova sede em São Paulo, que contará com um Centro de Inovação e Tecnologia.

CONTROLE ANVISA
GS1 rastreará medicamentos

Solução DataMatrix permitirá recuperar dados do caminho percorrido pelos remédios.