Mais um app de táxi chega a Porto Alegre. Foto: Taxi Cristine Rochol/PMPA.

O Taxijá, aplicativo mobile para chamada de táxis, iniciou operações em Porto Alegre. 

O aplicativo conta com uma solução de pagamento móvel que permite que usuário pague o taxista apenas com o celular. 

Além disso, oferece para as empresas uma solução corporativa que elimina o uso de boletos em papel e ajuda no controle das despesas e redução de custos, o Taxijá Corp. 

No Rio Grande do Sul a plataforma já conta com 400 profissionais cadastrados. 

O aplicativo opera em nove cidades brasileiras.

Para comemorar a chegada à Porto Alegre, o Taxijá lança uma campanha promocional que concederá, por duas semanas, um desconto de R$ 20,00 para os usuários que optarem pelo pagamento via app. 

Para usar o desconto, é preciso usar o código promocional "POA” na hora do pagamento.  

A promoção é válida para as 100 primeiras corridas de cada dia.

De acordo com Arthur Pelanda, CEO do TaxiJá, a expectativa é alcançar 35 mil taxistas até o final de 2014, nas principais capitais do pais, provocando um movimento de elevação da renda mensal dos profissionais em até 20%. 

Com operação no Brasil desde setembro de 2012, o Taxijá conta com 20 mil profissionais e 350 mil usuários do aplicativo.

O Taxijá mostra ao usuário todas as informações do taxista e possibilita que o passageiro se comunique diretamente com o motorista por mensagens instantâneas, além de acompanhar todo o deslocamento, distância e o tempo estimado da chegada da chamada. O usuário recebe um alerta quando o taxista chega ao seu encontro.  

O app foi criado em 2012 pela Mobinov, empresa de soluções mobile que recebeu aporte da Scala IT Solutions.

O Taxijá será mais um app de táxi a entrar na forte concorrência do segmento.

Uma das grandes empresas do nicho é a Easy Taxi, lançada em abril de 2012. Atualmente, a empresa acumula 5 milhões de downloads, com atuação em 30 países e 162 cidades, sendo 100 delas no Brasil.

O CEO da Easy Taxi, Tallis Gomes, chegou a disparar no início de abril que, com essa competição, "vai sobreviver quem tiver o bolso mais fundo. Não vai durar muito tempo, não".

Ele acredita que sua empresa tem força para ganhar esse mercado. Ela já acumula investimentos de mais de R$ 55 milhões, feitos pelo grupo alemão Rocket Internet, pelo Fundo Latin America Internet Holding (LIH) e pela holding iMena.

No início de 2014, o SaferTaxi começou sua operação em Porto Alegre com cerca de 300 taxistas. Além do serviço de chamada de táxi, a aplicação também disponibiliza Wi-Fi gratuita dentro dos veículos.

A expansão para Porto Alegre foi parte da nova etapa de investimentos da companhia, que recebeu no final de 2013 a sua segunda rodada de aportes, de R$ 6,4 milhões.

Já a 99Taxis, fundada em agosto de 2012, conta com uma frota de mais de 42 mil taxistas cadastrados em mais de 100 municípios brasileiros. Um de suas estratégias para vencer a concorrência foi o lançamento, no final de abril, de um serviço de achados e perdidos. Para reportar algo que foi perdido é preciso ligar para a central, no número 4003-9910.

Na capital gaúcha, outras empresas que atuam na área são iCab2Go e a porto-alegrense Ayza Tecnologia.