Marcel Frigeira, Travel Manager da IBM. Foto: Divulgação.

A IBM é cliente da SAP na área de gestão de viagens. A empresa utiliza o sistema Concur em mais de 100 países, incluindo o Brasil.

Com a solução, os colaboradores podem reservar viagens e reportar despesas na mesma plataforma. 

Até a adoção da Concur, a operação brasileira da IBM não contava com um sistema para a reserva de viagens. O processo de compra de passagens e escolha de hotel era feito por telefone com agências.

“Além de ser uma etapa demorada, a reserva por telefone causou diversos erros ao longo dos anos, como compra de passagens em datas erradas”, relata Marcel Frigeira, Travel Manager da IBM, que falou sobre o projeto no SAP Forum 2018.

Antes de optar pelo sistema da SAP, a IBM testou outras duas ferramentas de gestão de viagens corporativas.

“Vimos vantagem na plataforma única para reservas e reporte de despesas e na integração do back-office a partir do ERP”, detalha Frigeira.

Segundo ele, um dos benefícios encontrados com a nova solução é a garantia de manter as políticas da empresa relativas às viagens.

“Contamos com a parametrização de critérios como escolha pelo menor custo. Hoje, 98% dos viajantes aceitam a tarifa mais acessível, mas temos mapeadas razões de negócios que permitem a quebra dessa política”, explica o travel manager.

O uso do Concur já é obrigatório para os colaboradores em caso de viagens dentro do Brasil. O próximo passo é adotar a medida também para os voos internacionais, que ainda podem ser reservados por meio de telefonemas hoje.

O Brasil já está atualmente entre os 10 principais mercados da Concur em volume de transações e usuários. Desde o ano passado, a unidade tem uma operação alocada juntamente com o escritório da SAP em São Paulo.

A SAP, que adquiriu a Concur em 2014, colabora com a estratégia go-to-market da Concur no Brasil.

*Júlia Merker cobriu o SAP Fórum, em São Paulo, a convite da SAP.