Leylah Halima Macluf, diretora de talent transformation da Everis. Foto: divulgação.

A Everis, consultoria de TI da gigante japonesa NTT Data, anunciou a contratação de Leylah Halima Macluf como diretora de talent transformation, área recém criada pela empresa.

Macluf vem Coca-Cola Femsa, onde liderava a área de desenvolvimento, comunicação e cultura organizacional há três anos.

Anteriormente, foi diretora da Bbold, head de desenvolvimento organizacional da Archer Daniels Midland para a América do Sul e gerente sênior de RH do McDonalds.

Em seus mais de 20 anos de carreira, 11 foram na Deloitte, onde atuou desde trainee até gerente sênior de capital humano.

A executiva é graduada em administração pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), além de ter cursado pós-graduação em psicologia positiva pela PUCRS e MBA em planejamento estratégico e em aplicações tecnológicas pela Fundação Getúlio Vargas.

Na Everis, Macluf entra com o desafio de contribuir com o desenvolvimento e engajamento das pessoas nos projetos desenvolvidos pela Everis na região das Américas.

"Assim poderemos gerir eventuais gaps, minimizar riscos e conscientizar e engajar os talentos na transformação, destacando os benefícios das mudanças para o dia a dia profissional e para o incremento dos negócios", ressalta Leylah Halima Macluf, diretora de talent transformation da Everis.

Os projetos envolvem as soluções Salesforce, SAP, ServiceNow e tecnologias próprias, como o chatbot Eva, em todos os países em que a Everis atua na região: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru. 

"É uma posição estratégica que nos ajudará a gerir a implementação das mudanças, nos aproximando das áreas de RH, sejam clientes finais ou parceiros nos projetos, a fim de aperfeiçoar e incentivar a colaboração de funcionários e terceiros envolvidos na operação", afirma Raphael Saueia Bueno, sócio responsável pela área de digital strategy da Everis Brasil.

Outra missão da nova diretora será aproximar a Everis de startups de RH cujas soluções sejam interessantes para adoção pelos clientes ou utilização para aprimorar as relações com o network da consultoria, que agora inclui profissionais e terceiros que trabalham remotamente.

Macluf é a segunda a assumir uma diretoria na companhia em pouco tempo. No final de setembro, Renato Gritti, ex-diretor executivo de digital da GFT, ingressou como diretor de transformação da área de strategy value da Everis.

A empresa também trocou de presidente neste ano, com a chegada de Ricardo Neves, ex-sócio da PwC, como CEO da operação brasileira.

A NTT Data, empresa de serviços de TI do grupo japonês NTT, comprou a espanhola Everis por US$ 761,2 milhões em 2013.

Parte da justificativa do negócio era ampliar a presença da NTT em regiões na qual a companhia tinha pouca presença, como a América Latina. 

A Everis faturou € 1,4 bilhão no ano fiscal finalizado em março de 2019, uma alta de 22% frente ao período anterior. O Brasil é hoje a segunda maior operação da empresa.

A região Américas fechou o exercício fiscal de 2018 com mais de € 380 milhões de receita, 27% do faturamento global do grupo. São mais de 8,5 mil profissionais na região e cerca de 3 mil no Brasil.