QUALIDADE

Benner em Maringá é CMMI nível 3

20/11/2013 12:58

Antônio Nogueira, diretor da Benner Saúde. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A unidade de desenvolvimento de software da Benner localizada em Maringá acaba de subir o nível  do seu selo CMMI. Desde janeiro de 2012 nível 2, a operação é agora nível 3. O objetivo é chegar ao nível 5 até 2016.

A companhia desenvolve produtos de gestão de saúde suplementar na unidade paranaense. A avaliação do modelo de qualidade de desenvolvimento de software americano foi feita pela SWQuality, de Recife.

“Com o CMMI o mercado tem a garantia de qualidade máxima em desenvolvimento e manutenção de software”, afirma Antônio Nogueira, diretor da Benner Saúde.

Durante o processo de certificação foram avaliadas as áreas de treinamento organizacional, gerenciamento e desenvolvimento de requisitos, verificação e validação, planejamento e monitoramento de projeto, solução técnica e definição e foco nos processos. 

Além da gestão integrada de projetos, tomada de decisão, gerenciamento de riscos, medição e análise, integração do produto, gerência de configuração e garantia da qualidade.

Especializada em soluções de gestão para hospitais, a Benner uniu suas operações em abril de 2012 com as da subsidiária brasileira da portuguesa Alert, especialista em administração clínica.

O novo negócio divulgou na época uma projeção de faturamento de R$ 115 milhões para 2012 e planos para chegar a R$ 300 milhões no final de três anos.

Veja também

QUE SAÚDE!
Benner lança BPO para planos de saúde

Oferta atende às áreas de prevenção em saúde, inteligência de negócio, gestão operacional e relacionamento assistencial.

ERP
Benner quer dobrar venda indireta

Meta é saltar dos 18% obtidos em 2012 para 25% já neste ano e 40% em 2015.

PRONTUÁRIO ELETRÔNICO
Passo Fundo adota TrackCare na saúde

Solução integra sistemas e colaboradores de hospitais, UPAS e laboratórios.

SOLUÇÃO
Santa Cruz do Sul adota JME na saúde

Com o sistema integrado, as unidades de saúde passaram a contar com recursos de prontuário eletrônico, marcação informatizada de consultas e exames.

CAMPANHA
RS: app incentiva doação de órgãos

A ideia é proporcionar um ambiente para discussão sobre o tema e para comunicar a família sobre a sua opção. 

HEPIC E SISHOS
First e JME: parceria na saúde

O Hepic, software da First para o controle de infecções hospitalares, será integrado com o Sishos, sistema da JME, e será disponibilizada no modelo SaaS.