Participação do canal mobile é de 6,2% do total de transações. Foto: flickr.com/photos/29881930@N00.

As operações bancárias no Brasil no primeiro semestre desse ano foram realizadas 51% por meio de dispositivos móveis, com o mobile banking em celular ou tablet e pela internet. No mesmo período de 2012, a quantidade era 46%.

O levantamento foi feito pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) com Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Itaú, Unibanco e Santander, conforme publicação no TI Inside. 

Entre junho de 2012 e junho de 2013, a participação do canal mobile subiu de 3% para 6,2% do total de transações nos cinco bancos participantes da pesquisa.  A quantidade de transações passou de 244 milhões, registradas no primeiro semestre de 2012, para 822 milhões no mesmo período de 2013, ou seja, um aumento de 237%.

A Febraban também passou algumas dicas aos usuários em relação à segurança. Confira:

- Ao comprar um aparelho usado, restaure as configurações originais para que ele funcione com os padrões de segurança estabelecidos pelo fabricante;

- Não comprar dispositivos que tenham sido desbloqueados ilegalmente, pois isso impede a atualização do sistema operacional;

- É importante ter programas de proteção contra malware;

- Em caso de tentativas de acesso com senha incorreta, ative a opção de exclusão dos dados do aparelho;

- Habilite a função de geolocalização para encontrar o dispositivo e bloqueá-lo à distância;

- Ficar atento aos sites falsos que solicitam informações confidenciais.