O Boticário investe forte em P&D. Foto: reprodução.

O Grupo Boticário, que controla as unidades de negócio O Boticário, Eudora, quem disse, berenice?, The Beauty Box e Skingen Inteligência Genética, inaugurou nesta quinta-feira, 21, seu Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, em São José dos Pinhais, com investimento de R$ 37 milhões.

Com mais de 8 mil metros quadrados de área construída, o empreendimento comporta, inicialmente, uma equipe de 230 pessoas dedicadas à inovação em produtos de beleza.

“O empreendimento que temos aqui hoje é compatível com o que há de mais avançado no mundo, dentro do segmento de perfumaria e cosméticos”, afirma o presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum.

Ele explica que aproximadamente metade do faturamento do grupo resulta dos lançamentos que coloca no mercado por meio de suas unidades de negócio.

A receita de 2012 ainda não foi divulgada, mas ao longo do ano passado a empresa curitibana havia anunciado expectativa de crescer 20% sobre os R$ 2 bilhões faturados em 2011, quando as receitas ainda não levavam em conta três unidades de negócios criadas no ano que passou.

“Somente em 2012, foram cerca de 1,6 mil produtos novos. A unidade “Quem disse, Berenice?”, inaugurada em setembro, envolveu o desenvolvimento de mais de 500 produtos em cerca de um ano”, complementa Grynbaum.

Segundo o presidente, nos últimos dois anos a equipe de pesquisa e desenvolvimento aumentou 40%.

No novo centro, construído pela paranaense Emadel Engenharia e Obras, os profissionais contam com câmaras de teste, laboratórios, salas de estudos e duas bibliotecas.