Stratasys investe na impressão 3D para ortodontia. Foto: divulgação.

A Stratasys anunciou esta semana o lançamento da impressora 3D Objet30 OrthoDesk, desenvolvida especialmente para clínicas e laboratórios ortodônticos de pequeno porte.

Segundo a fabricante, o equipamento, que chega ao mercado custando US$ 32,9 mil - cerca de R$ 65 mil - é uma alternativa acessível para popularizar a odontologia digital, uma tendência no setor.

De dimensões reduzidas, a impressora é adequada para operação desktop em espaços pequenos e escritórios, capaz de automatizar o processo desde o arquivo em CAD da boca do paciente à fabricação do modelo.

A impressora produz dispositivos ortodônticos, bandejas de aplicação e posicionamento, alinhadores, retentores e guias cirúrgicas, usando a tecnologia de impressão 3D PolyJet. É possível criar até 20 modelos por trabalho de impressão.

VANTAGENS

Para Renata Sollero, responsável pelos negócios da Stratasys no Brasil, a impressão 3D reduz os prazos de entrega e elimina o armazenamento em massa de modelos.

Porém, até hoje, devido a questões de tamanho e custo, as impressoras 3D eram acessíveis apenas para laboratórios maiores.

“Sabemos que o Brasil conta com dezenas de milhares de clínicas e laboratórios ortodôticos de menor porte. Entregamos a esse mercado uma solução versátil, que cabe perfeitamente em uma mesa ou bancada de laboratório”, afirma Renata.