Racks R715 da Dell. Foto: divulgação.

A Unimed Recife, líder do mercado de planos de saúde em Pernambuco, com cerca de 1,9 mil médicos cooperados, investiu na consolidação de seus servidores ao adquirir equipamentos da Dell.

Foram adquiridos nove equipamentos rack Dell R715 com processadores AMD Opteron 6180SE de 12 núcleos, em um investimento de aproximadamente R$ 700 mil. No pacote também estavam incluídos licenças de backup, banco de dados, sistemas operacionais e virtualização.

Segundo destacou a fabricante, o projeto, iniciado ainda em 2012 resultou em um aumento de até 300% na performance de alguns serviços, com mais qualidade operacional, redução de custos e capacidade para expandir o ambiente de acordo com as demandas do negócio.

Com o novo sistema, a empresa conseguiu internalizar todo o call center da empresa, que até então era terceirizado. Também foi possível a ciração de uma estrutura para o ambientes de testes e a adoção de novas tecnologias como Big Data e inteligência artificial.

A mudança surgiu da necessidade de tornar homogêneo o ambiente de servidores, que antes possuía equipamentos de diversos fornecedores e arquiteturas.

"Era instável, trazia vulnerabilidade operacional e gerava lentidão no processamento das aplicações. Além disso, tínhamos o desafio de implementar um novo hospital baseado em solução de prontuário eletrônico e totalmente sem papel”, explica Bartolomeu Melo, Gestor de TI da Unimed Recife.

Melo relata que uma das premissas do projeto era reduzir o número de equipamentos, com o intuito de otimizar as licenças de software.

Para isso, a opção foi aumentar o poder de processamento por unidade, com o uso de processadores com um maior número de núcleos e que suportassem diversos sistemas.

“A arquitetura AMD atendeu à necessidade de otimização do custo total da solução. Outras tecnologias exigiriam um número bem maior de processadores. Na época, teríamos de adquirir quatro processadores hexacore para atingir a mesma performance”, acrescenta.