Grupo CBO contratou a Brasoftware para auditoria.

Para certificar que o uso das licenças de software Microsoft estavam em compliance com o seu parque tecnológico, o Grupo CBO (Companhia Brasileira de Offshore), empresa de navegação do setor de apoio marítimo a plataformas de petróleo, contratou a Brasoftware para realizar uma auditoria dos seus ativos de software do contrato Enterprise Subscription Agreement (EAS). 

Em 2010, o Grupo CBO adquiriu suas licenças com 32 versões diferentes de produtos da Microsoft, que foram distribuídos de acordo com a necessidade dos 360 usuários ativos na companhia. 

O contrato EAS Microsoft possui assinatura de três anos, com a possibilidade de aumentar o número de licenças a qualquer momento ou de diminuir a quantidade anualmente. Atualmente, está em vigência o segundo contrato do Grupo CBO. 

De acordo com Fernando Brito, gerente especializado em soluções Microsoft na Brasoftware, clientes com contratos Microsoft EAS têm incluso no seu pacote de benefícios o Software Asset Management (SAM), responsável por ajudar as companhias a se manterem em conformidade com os programas adquiridos. Assim, a Brasoftware foi contratada para realizar o trabalho de auditoria e consultoria, por meio da implementação do SAM. 

“O SAM é uma metodologia aplicada por meio do ITIL (Information Technology Infrastructure Library) que ajuda o cliente a gerenciar os investimentos em ativos de software. Durante o processo de consultoria, a Brasoftware ajudou o Grupo CBO a verificar se todas as licenças adquiridas em seu segundo contrato estavam sendo utilizadas corretamente”, explica Brito. 

Para isso, foi realizado um levantamento a partir do cruzamento das informações do histórico de compras da companhia com o número de licenças instaladas na infraestrutura da empresa, inclusive nas embarcações. 

Na sequência, foi realizado um trabalho consultivo para identificar se os investimentos no licenciamento dos ativos de software eram utilizados em benefício da empresa, a fim de evitar prejuízos e compras desnecessárias. 

A consultoria mostrou que o Grupo CBO estava 100% compliance e aproveitando corretamente os investimentos de software.

Segundo Ilan Fuchs, coordenador de TI do Grupo CBO, a companhia realiza mensalmente um trabalho de auditoria interna, que assegura o uso dos hardwares e softwares instalados na infraestrutura da empresa. 

“Para garantir que usamos corretamente todos os recursos de TI, além de um trabalho diário, contamos com um sistema de segurança automatizado que emite relatórios gerenciais, identificando quantas máquinas estão ativas e quais programas estão em uso. Com isso, conseguimos alocar de forma efetiva os investimentos em equipamentos e softwares”, destaca Fuchs.

Fundada em 1987, a Brasoftware comercializa soluções de empresas como Microsoft, Symantec, McAfee, Citrix, Adobe, CA, Corel e Autodesk.. Em 2002, a empresa criou uma divisão de serviços, a Brasoftware Consulting, com atuação nas áreas de desenvolvimento, implementação e infraestrutura. 

Nos últimos cinco anos, a companhia registrou crescimento superior a 20% ao ano. Petrobrás, Claro, Cielo, Editora Abril, Embratel, Serasa Experian e Tam são alguns dos clientes da empresa.