Charles Pantaleoni.

A eWave, integradora israelense de TI, acaba de abrir uma unidade em Porto Alegre, comandada por Charles Pantaleoni, ex-gerente de contas SAP do ITS Group.

A empresa já atendia clientes na região a partir de uma filial em Curitiba. Pantaleoni é um executivo conhecido no mercado local, onde passou por empresas como Ilegra, Meta e Constat.

“Queremos oferecer aos nossos clientes do mercado gaúcho um modelo de suporte completo em todas as etapas do atendimento e também suprir a crescente demanda em todo Rio Grande do Sul por serviços de qualidade”, explica Nimrod Riftin, CEO da eWave do Brasil.

A eWave do Brasil faturou R$ 44 milhões em 2013, uma alta de 41% frente aos resultados do ano anterior. Para este ano, a meta é 36%, chegando a R$ 60 milhões.

A empresa tem sede por aqui em Curitiba, onde inaugurou as operações no Brasil em 2006, e já possui escritórios em Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Londrina, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo.

“Hoje, a região Sul representa cerca de 24% dos nossos negócios. Queremos que este percentual ultrapasse os 30% até o final de 2014”, comenta Nimrod.

A companhia atua com infraestrutura de TI e revenda e implantação de soluções de software IBM, Oracle, Microsoft, EMC e VMware.

A eWave foi fundada em 1999 em Israel, onde atende a clientes como Banco de Israel, os correios e a empresa de eletricidade, entre outros. Ao todo, a empresa emprega 800 funcionários entre a sede, a Europa, os Estados Unidos e a Índia.

Entre os mais de 100 clientes no Brasil, destacam-se nome como GVT, ALL, Claro, Ambev, Bunge, Porto Seguro, entre outros.