Terra das Araucárias é a nova parada da Sage. Foto: flickr.com/photos/andreaalbert/

A britânica Sage segue o seu avanço no mercado brasileiro de software para gestão.

Nesta sexta-feira, 21, a empresa anunciou a compra das paranaenses Empresa Brasileira de Sistemas (EBS), sediada em Curitiba, e da Cenize Informática, de São José dos Pinhais.

A EBS foi adquirida por até R$ 35 milhões, dos quais R$ 6 milhões estão ligadas a meta de desempenho futuras, e a Cenize foi acertada por até R$ 12,9 milhões, dos quais R$ 9 milhões por cumprimento de objetivos.

Os negócios foram fechados através da paulista Folhamatic Tecnologia, que teve 75% do seu capital adquirido por R$ 398 milhões em junho.

De acordo com nota da Sage, a EBS tem 4 mil clientes, 2,3 mil deles firmas de contabilidade e os restantes em outros ramos. A maior parte da base está no Paraná. A Cenize tem 7 mil pequenos e médios clientes no Brasil.

“Essas empresas tem alto crescimento, vendas recorrentes e estão focados no nosso corte de clientes de contabilidade em pequenas e médias. Também são complementares geograficamente à Folhamatic", analisa o presidente-executivo da Sage, Guy Berruyer.

As novas aquisições têm um porte bem menor do que a Folhamatic, cujo faturamento em 2011 foi de R$ 135,4 milhões, com meta de crescer 14% neste ano.

Segundo dados de 2010 divulgados em seu site, a Sage é a terceira maior provedora mundial de softwares de gestão, atrás apenas da Oracle e da SAP.

A empresa tem foco em pequenas empresas, entre as quais estima que 90% estão desatendidas no Brasil em termos de soluções de gestão.

O faturamento em 2011 passou dois US$ 2 bilhões. A empresa tem 13 mil empregados e 6 milhões de cliente.