Baguete
InícioNotícias> Carvalho Hosken: impressão com Simpress

Tamanho da fonte:-A+A

OUTSOURCING

Carvalho Hosken: impressão com Simpress

Maurício Renner
// quinta, 21/09/2017 09:14

A Carvalho Hosken, uma das maiores empreiteiras do país, fechou um contrato de outsourcing de impressão com a Simpress.

Carvalho Hosken usa impressoras da Samsung. Foto: Pixabay.

Foram colocados na empresa 16 equipamentos de média produção da marca Samsung, os quais passaram a atender toda a companhia, tanto nas demandas preto e branco, como nas coloridas. 

Também foram implantados um software de bilhetagem com a função Siga-me, a qual permite que o colaborador envie um documento para impressão e possa retirá-lo em qualquer um dos equipamentos distribuídos pela empresa.

“Todos os colaboradores receberam um crachá e eles só conseguem liberar as impressões ao aproximá-lo do equipamento. Além de otimizarmos os custos de papéis e energia, também ganhamos muito mais agilidade e assertividade em nosso dia a dia”, destaca Marcos Gomes, executivo de TI da Carvalho Hosken.

Outras necessidades mapeadas pela organização eram melhorias nos processos de escaner e uma solução que auxiliasse na compactação de arquivos. 

Para otimizar o processo de escaneamento, o recurso encontrado foi a digitalização de passada única, a qual permite que em uma única vez a imagem do documento seja capturado frente e verso. 

Com esta aplicação, o tempo de leitura das informações foi reduzido em até 50%.

A Carvalho Hosken foi uma das pioneiras em construir prédios na Barra da Tijuca, hoje uma das áreas mais valorizadas do Rio de Janeiro. 

Na última Olimpíada, esteve por trás da Vila dos Atletas, o alojamento dos participantes, destinado a ser um grande empreendimento imobiliário.

A Simpress foi a primeira grande aquisição internacional da Samsung na área de serviços corporativos, em dezembro de 2014. 

Mais recentemente, a área de impressão da Samsung foi adquirida pela HP Inc, com o que a Simpress trocou de mãos por tabela.

Desde a compra pela Samsung, a Simpress não abre dados de faturamento. Em 2013, último ano disponível, a alta havia sido de 7,5%, para R$ 464 milhões.

São mais de 100 mil equipamentos instalados por todo o país.

Maurício Renner