Sete jovens contam os desafios enfrentados em suas startups. Foto: flickr.com/photos/internetsense.

Tamanho da fonte: -A+A

A série de webdocumentários “Vai que dá: a cara das startups brasileiras” está no ar. Com realização da Endeavor Brasil e produção da BigBonsai, os vídeos pretendem mostrar o empreendedorismo no país a partir do trabalho de sete jovens.

Os personagens contam suas histórias e especialistas comentam trazendo alternativas aos desafios enfrentados por eles. 

Os empreendedores são: Fernando Okumura da Kekanto, Horácio Poblete da Ledface, Daniel Wjuniski da Minha Vida, Thiago Feijão e Claudia Massei da Q Mágico, Tiago Dalvi da Solarium e Gustavo Mota da We Do Logos. Os projetos são bem diferenciados e vão desde um software que responde questões pessoais a uma rede de designers freelancers.

O objetivo da Endeavor é democratizar o acesso a informações relevantes aos empreendedores, visto que mais de 50% dos universitários têm a intenção de empreender.

"Precisamos mostrar que o caminho é longo e árduo, que um grande propósito é o que faz o empreendedor permanecer na batalha, que as dificuldades se multiplicam a cada dia, mas que é uma jornada inesquecível e cheia de aprendizados", conta Leandro Herrera, gerente de comunicação da companhia e idealizador do programa.

A iniciativa é patrocinada pela Locaweb e tem o apoio da Visa. Os vídeos estão disponíveis no site www.endeavor.org.br/vaiqueda.

No Brasil desde 2000, a Endeavor ajudou a gerar mais de R$2 bilhões em receitas anualmente e cerca de 20 mil empregos diretos através de programas de apoio a empreendedores, além de capacitar 2 milhões de brasileiros com programas educacionais presenciais e à distância.