Julio Baião. Foto: divulgação.

A Via Varejo, rede de lojas que surgiu da fusão das empresas Casas Bahia e Ponto Frio, adotou a solução Control M, da BMC Software, para gerenciar e monitorar os processos de produção da companhia. O projeto, de valor não divulgado, foi realizado pela consultoria paulista Order.

Responsável pela administração das redes Casas Bahia e Pontofrio, a Via Varejo apresentou lucro líquido de R$ 187 milhões no segundo trimestre de 2014, número 98% acima do mesmo período no ano anterior (2013).

Para acompanhar este crescimento acelerado, a organização decidiu evoluir sua infraestrutura de TI, até então vertical e centralizada.

Com o projeto, a empresa buscou a integração de seu ambiente de TI, espalhado ao longo de mil pontos de venda, 24 centros de distribuição e entrepostos no país, formando um ambiente de TI muito diversificado, com múltiplas plataformas e aplicações.

Segundo Júlio Baião, diretor de TI da Via Varejo, a companhia precisava integrar todos estes sistemas, tanto para obter uma gestão mais eficaz, como para acompanhar o ritmo de crescimento da organização.

"O Control M é a única ferramenta no mercado capaz de atender as necessidades de todo o conglomerado. Sua implementação, além de reduzir os custos de forma expressiva, possibilitou o controle de todos os processos da organização – desde a rotina de negócios da companhia até a integração de vendas nas lojas com os depósitos", observou.

De acordo com Afonso Borges, diretor da Order Soluções em TI, a migração da plataforma era o principal desafio do projeto, com uma grande preocupação com relação à manutenção dos processos de missão crítica da Via Varejo.

"A mudança de plataforma deveria ocorrer com o mínimo de impacto possível. Conseguimos implementar o Control M em tempo recorde, foram seis meses para desenvolver o projeto e concluir a migração sem afetar qualquer operação da empresa”, detalha Borges.

Fundada em 2001 e com sede em São Paulo, a Order Soluções fornece soluções de gestão, segurança, biometria, entre outras. Entre os clientes da companhia estão empresas como Itaú e XP Investimentos.