Red Hat compra Ansible. Foto: divulgação.

A Red Hat, desenvolvedora global de soluções open source, anunciou a compra da Ansible, provedora norte-americana de soluções para automação de ambientes de TI, por um valor não divulgado.

De acordo com a multinacional, a aquisição servirá para impulsionar as iniciativas da empresa no desenvolvimento de aplicações para nuvens privadas e públicas, especialmente baseadas no padrão aberto OpenStack.

"O enfoque simples adotado pela Ansible, diferente das soluções oferecidas pela concorrência, não requer contar com habilidades de codificação especiais, eliminando desta forma alguns dos obstáculos mais significativos da automatização de toda a área de TI", explicou a Red Hat em comunicado.

Por meio da incorporação da Ansible, serão aprimoradas as soluções Red Hat CloudForms, plataforma de gestão aberta que provê a organização, administração e controle; o Red Hat Satellite, solução de gestão de ciclo de vida com provisionamento de infraestruturas integradas, distribuição de software, gestão de patches e funções de auditoria.

O fechamento da operação está previsto para o mês de outubro de 2015.

O projeto de desenvolvimento Ansible é um dos projetos de automatização open source mais populares em GitHub e conta com uma comunidade ativa muito comprometida com aproximadamente 1,2 mil colaboradores.

Conforme apontam analistas, a automatização da Ansible ganhou seguidores em meio a grandes empresas, impulsionando ambientes de nuvem privada grandes e complexas, o que chamou a atenção da Red Hat.

Para Joe Fitzgerald, vice-presidente de Gestão da Red Hat, a aquisição será uma adição importante para o plano da companhia em inovar no mercado de open source para nuvem.

"A Ansible ajudará a Red Hat a dar um passo à frente em nossa meta de conseguir uma TI ágil e sem problemas, com base em uma plataforma de gestão aberta e com o atendimento voltado decididamente para reduzir o custo e a complexidade através da facilidade de uso e automatização”, declarou o executivo.

O potencial do segmento é grande. De acordo com a análise global do IDC em julho de 2015, o mercado mundial de software para gestão de sistemas em nuvem conseguiu receitas totais de US$ 2,3 milhões em 2014, o que representa um aumento de 29,9% desde 2013.

Os prognósticos atuais de mercado preveem que este valor aumente para US$ 8,3 milhões em 2019 a uma taxa de crescimento anual de 28,9% para o período 2014-2019.