VENDAS

MC1 assume controle da Landix

21/12/2020 13:11

MC1 atende grandes empresas, Landix tem  boa penetração em pequenas e médias.

Marcos Póvoa, CEO da MC1.

Tamanho da fonte: -A+A

A MC1, empresa especializada em software de automação de força de vendas sediada em São Paulo, acaba de comprar uma participação majoritária concorrente Landix Sistemas, de Uberlândia, Minas Gerais.

Com a compra, a MC1, cuja atuação é focada em grandes empresas, ganha uma base de 250 clientes entre médias e pequenas companhias que atuam nos setores de atacado, distribuição e indústria de bens de consumo, com destaque para as principais engarrafadoras Coca Cola.

Outra sinergia é que algumas das empresas distribuidoras atendidas pela Landix são parceiras de clientes da MC1, que atende 60 empresas, incluindo nomes como Pepsi, Heineken, BRF e Kimberly Clark, totalizando 100 mil usuários. 

A MC1 já foi apontada quatro vezes como Líder na Indústria pelo Gartner, na categoria Retail Execution and Monitoring.

“A união dessas competências permitirá o oferecimento de uma solução completa ao mercado de bens de consumo”, afirma o CEO da MC1, Marcos Póvoa.

As duas empresas tem cerca de 20 anos de atuação, mas estruturas diferentes. 

A Landix é uma empresa familiar. A CEO, Anna Paula Graboski, membro da família fundadora, seguirá no cargo, agora reportando para um conselho com integrantes da Landix e da MC1.

Já a MC1 é uma empresa internacional, com escritórios no México e nos Estados Unidos, e tem fundos de investimentos entre os controladores.

Em 2017, a companhia recebeu um aporte da G5 Evercore e da co-investidora Cassis, ao qual se seguiu uma mudança na equipe, com direito à entrada de um CEO de fora.

Para a posição de CEO foi contratado Marcos Póvoa, ex-líder de plataforma digital na Linx, especializada em soluções para o varejo e com passagens por posições de liderança em empresas como Bauducco e Femsa. 

A MC1 não abre as participações acionárias, mas em 2014 o fundo brasileiro Treecorp, informou ter assumido o controle, em meio a uma operação de fusão entre a MC1 e a Mobile People.

A Treecorp é formada por três investidores. Luis Filipe Lomonaco, ex-presidente da rede de estacionamentos Estapar e Daniel McQuoid, ex-vice-presidente da incorporadora JHSF.

Veja também

VENDAS
Grupo Herval: novo e-commerce com Oracle

Times de e-commerce da taQi e da Voulevar terão mais autonomia com o Oracle Commerce Cloud.

DIGITAL
BTG Pactual adota mensageria da Infobip

O banco utiliza SMS para ativação de clientes e realização de checagens, além de torpedos de voz.

VENDAS
Volkswagen lança e-commerce no Brasil

Projeto da IBM usa Salesforce para integrar concessionárias em portal de vendas. 

PIVÔ
Omie contrata ex-Totvs para entrar nas grandes

Alessandra Lima de Castro é a nova diretora de vendas diretas e enterprise.

NOMES
Randon e 4all anunciam fintech

A nova R4 atenderá o segmento de logística e transportes a partir de 2021.

VAREJO
Marisa moderniza e-commerce com FH

Consultoria SAP trabalhou na integração do C/4 Hana com o ERP da Linx.

TACADA
Salesforce quer comprar Slack

Empresas estão negociando uma das maiores operações do setor de tecnologia.

FACILITIES
Grupo Adservi adota CRM da SMark

Projeto na empresa de serviços gerais e segurança patrimonial está sendo implantado há dois meses.

CRM
Oliveira, ex-IT Midia, está na Plusoft

Profissional era editora executiva na IT Midia e fez carreira na mídia especializada em tecnologia.