Oi amplia base de Wi-Fi. Foto: divulgação.

A Oi divulgou um relatório apontando um aumento de aproximadamente 100% em sua base de pontos de acesso à rede Oi WiFi durante 2015, superando a marca de 2 milhões no Brasil.

O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 22, pela companhia no Mobile World Congress, em Barcelona.

Com a nova marca, a operadora se destacou como a líder do segmento no hemisfério Sul, crescimento que foi possível em função do aumento da penetração do Oi WiFi na rede de banda larga da Oi, assim como melhorias de arquitetura e qualidade na rede.

Também no comparativo de janeiro de 2015 com janeiro de 2016, o volume de tráfego de dados aumentou 260%. Já o número de usuários únicos da rede teve um crescimento de 117%, no período. E o número de acessos por mês chegou a 6,7 milhões, o que equivale a um aumento de 196%, no comparativo com o mesmo mês do ano anterior.  

A empresa também anunciou mudanças no sistema de acesso ao Oi WiFi, com uma nova versão do aplicativo do serviço, que avalia a qualidade do sinal wi-fi antes de estabelecer a conexão automaticamente.

O app Oi WiFi está disponível gratuitamente para aparelhos com sistema operacional iOS e Android e já superou a marca de 5 milhões de downloads. O serviço é gratuitos para assinantes de telefonia fixa e móvel da operadora.

“Em 2015, a Oi se preparou para o crescimento exponencial na demanda por dados esperado para os próximos anos. Agora, com o processo de retomada comercial recentemente iniciado pela companhia, a Oi irá focar em ampliar a cobertura da rede ao longo de 2016”, afirma Abel Camargo, diretor de Relacionamento Digital da Oi.

Atualmente a Oi tem mais de 2 mil hotspots, espalhados por 42 aeroportos no país, redes de fast foods, postos de gasolina, lojas de conveniência, cafés, além de trechos das orlas do Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza e Salvador.

Internacionalmente, a Oi tem parceria com a espanhola Fon, com acesso em 16 países através de parceiros internacionais da Fon como Belgacom, British Telecom, Deutsche Telekom Group, AT&T, SoftBank entre outros.