César Bochi, diretor executivo de administração do Centro Administrativo Sicredi. Foto: Divulgação.

O Sicredi, instituição financeira cooperativa, selecionou cinco startups do programa de conexão Inovar Juntos para seguirem como fornecedoras da companhia, garantindo um banho de loja de tendências tecnológicas em alta, incluindo chatbots, redes sociais corporativas, gamificação e visão computacional. 

As escolhidas são Cosmobots, Hallo, Ludos Pro, Meerkat e Paytrack.

As empresas foram selecionadas após um período de imersão realizado por 12 startups na instituição financeira, em que foi feita a experimentação das soluções pelo período de 90 dias.

O Inovar Juntos, realizado em parceria com a consultoria Innoscience, contou com 211 empresas inscritas para diversos desafios lançados pelo Sicredi em 2018. Desse total, 19 participaram do Pitch Day, em que as pré-selecionadas apresentaram suas propostas ao Sicredi.

“O programa é uma das iniciativas que integram o processo de transformação digital do Sicredi, que busca suportar nossas cooperativas para levá-las cada vez mais perto às necessidades do associado, melhorando sua experiência e contribuindo com o fortalecimento do cooperativismo de crédito”, explica César Bochi, diretor executivo de administração do Centro Administrativo Sicredi.

 

Conheça as startups selecionadas:

A Cosmobots é uma plataforma de criação e gestão de chatbots. Com ela, é possível interagir com os clientes a partir de um fluxo de conversa pré-estabelecido. Os líderes da empresa são Rafael Pettersen e Henrique Carvalho. 

Antes de criar a empresa, Pettersen atuou sete anos na Weengo, onde foi Product Manager. A companhia atua com CRM e apps para dispositivos móveis. Já Carvalho passou por Conecta, TGT Consult e Vodafone.

Já a Hallo é uma rede social privada para empresas. O aplicativo une ferramentas como publicações, divulgação de promoções, busca de usuários por especialidade, chat e eventos. Os fundadores da Hallo, que foi criada em 2017, são Bruno Grahl e João Paulo Ros. 

Grahl já tem experiência como empreendedor, pois também fundou a HireApp e a VonGrahl Soluções em Tecnologia. Já Ros é CEO da CEO PremierSoft, empresa de Blumenau que desenvolve aplicativos para dispositivos móveis.

A Ludos Pro é plataforma gamificada que utiliza técnicas e mecânicas de jogos com o objetivo de engajar, ensinar e aumentar a produtividade. A empresa faz parte do Grupo Sioux. 

Fundada em 2001, a Sioux é uma agência de tecnologia interativa que já desenvolveu projetos como o jogo Mundo Ripilica, para a Marisol; o aplicativo Santander Universitário, em que os participantes disputavam uma das 20 bolsas de estudo para um curso de Empreendedorismo em Boston e um aplicativo para o Cinemark.

Enquanto isso, a Meerkat atua com pesquisa e desenvolvimento de soluções com recursos de visão computacional e análise de imagem para automação de processos, com tecnologias como reconhecimento facial, detecção de logo e face liveness. 

Os fundadores da Meerkat são Renan Franz, administrador com ênfase em finanças, e Guilherme Fickel e Gustavo Führ, engenheiros de visão computacional.

A Paytrack é uma solução de controle de despesas de viagens e faturas que atua por meio de processos automatizados em compliance, com a controladoria e a gestão fiscal.

Daniele Amaro, CEO e co-fundadora da PayTrack, fez parte do time da Kroton por quase cinco anos. Ela passou por cargos como gerente de negócios EAD e gerente de marketing.

Já Edson Gonçalves, co-fundador e diretor de tecnologia, atuou na Senior Sistemas por mais de 15 anos, passando por funções como gerente de serviços, gerente de relacionamento e gerente nacional de vendas.

Além das cinco escolhidas como fornecedoras, outras startups tiveram extensões nos seus pilotos para realizar outras provas de conceito.