SUAVE

Americanas demite 400

22/06/2022 16:24

Apesar de alto, o número não chega a 1% do total de 43 mil colaboradores.

Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Americanas fez cerca de 400 demissões nos últimos dois meses de forma gradual, conforme aponta o Layoffs Brasil, um site de recolocação de profissionais de tecnologia, algo em torno de 0,93% dos seus mais de 43 mil colaboradores.

De acordo com a agência Reuters, a companhia afirmou em nota que "ajustes de quadro e adequação de perfis profissionais garantem eficiência e a estratégia de longo prazo em seus negócios".

Em maio, a Americanas informou que teve prejuízo de 238,2 milhões no primeiro trimestre, mesmo com aumento das vendas, em meio a uma forte piora do resultado financeiro, com o efeito do juro mais alto sobre o custo da dívida.

A porcentagem pouco expressiva de demissões na empresa se soma à onda de grandes cortes em companhias de tecnologia, que têm se tornado mais frequentes, como um produto do novo cenário econômico de inflação e juros baixos.

O Ebanx, fintech de processamento de pagamentos on-line, demitiu recentemente cerca de 340 pessoas, o que significa 20% do seu quadro de 1,7 mil funcionários.

Já a Vtex, maior plataforma brasileira de e-commerce, desligou 193 pessoas, mais de 10% do total de 1,7 mil, em áreas como produto, experiência do usuário, design, engenharia e growth.

Nas últimas semanas, outros unicórnios brasileiros registraram uma sequência de demissões coletivas. Entre eles, estão Olist, Quinto Andar, Loft e Facily. Outras startups, como LivUp e Zak, também realizaram desligamentos neste ano.

A virada no ambiente de startups foi sinalizada ainda em abril, quando Masayoshi Son, presidente do SoftBank, disse que o conglomerado japonês deve reduzir os investimentos em negócios de tecnologia neste ano devido aos maus resultados das investidas.

O Sequoia Capital, fundo do Vale do Silício que já captou cerca de US$ 20 bilhões e traz no currículo aportes iniciais em companhias como Apple, Google e Airbnb, fez um alerta às startups de seu portfólio em uma apresentação com 52 slides.

Nela, destacou que a combinação de mercados financeiros turbulentos, inflação e um conflito geopolítico trazem um momento crucial de incertezas e mudanças.

Veja também

ACADÊMICO
Americanas cria laboratório na PUC-Rio

Espaço será voltado à capacitação em inovação e tecnologia.

APORTES
Antler chega ao Brasil

Plano é captar um fundo de até US$ 50 milhões para investir na criação de startups.

VAREJO
Bornlogic recebe aporte de R$ 52 milhões

Rodada série A foi liderada pela Astella Investimentos.

2022
Coreia do Norte cria profissional de TI fake

Espiões fingem ser funcionários remotos para colher dados e roubar dinheiro.

PAROU TUDO
Americanas: prejuízo de R$ 923 mi com ataque

Em fevereiro, os e-commerces Americanas.com e Submarino ficaram fora do ar por cinco dias.

ACELERADA
Uber planeja dobrar equipe de engenharia no Brasil

A companhia está pisando no freio globalmente, mas abriu 100 vagas no país.