Baguete
InícioNotícias> GKO adota Magic xpi para integração

Tamanho da fonte:-A+A

ERP

GKO adota Magic xpi para integração

Júlia Merker
// sexta, 23/01/2015 09:24

A GKO, desenvolvedora e consultoria de soluções para fretes e embarcadores, firmou parceria com a Magic Software para utilização da plataforma de integração Magic xpi, com destaque para projetos envolvendo o ERP da SAP.

Ricardo Gorodovits, diretor da GKO. Foto: Divulgação.

A parceria nasceu da necessidade da GKO integrar o seu software com diversos sistemas e a escolha do Magic xpi se deu principalmente pela plataforma possuir conectores prontos para as principais soluções oferecidas no mercado e pela capacidade para criar um barramento de integração com todos os ambientes tecnológicos e banco de dados.

“A homologação do Magic xpi pela SAP também foi levada em conta por significar que a integração será bem sucedida”, conta Ricardo Gorodovits, diretor da GKO. 

O GKO Frete é um sistema criado para ajudar as empresas que contratam volumes significativos de fretes e que precisam de uma solução com performance compatível com grande quantidade de dados gerenciados. 

Muitas destas empresas têm suas informações com origem no sistema corporativo (ERP), por isso a necessidade de integração. 

“A comunicação feita pelo Magic xpi garante a qualidade das informações, o que possibilita que o tratamento que o GKO Frete dá aos dados e processos na gestão de transportes seja compatível com a necessidade dos negócios de nossos clientes. Já temos alguns projetos realizados com enormes ganhos de produtividade”, relata.

Rodney Repullo, CEO da Magic Software, comemora a adesão da GKO no programa de Parceria Magic:

“O GKO Frete proporciona vantagens fantásticas a seus clientes, mas que somente serão plenamente usufruídas com uma perfeita integração com o ERP e outros sistemas da empresa”, completa o executivo.

Fundada em 1987, a GKO tem entre seus clientes Adidas, Danone, Volkswagen, Natura, Panasonic e WalMart.

Na última divulgação de resultados trimestrais, em novembro, a Magic teve uma receita de US$ 40,2 milhões, uma alta de 12,9% em relação ao mesmo trimestre do ano passado.

Júlia Merker