Samsung prepara grande evento para desenvolvedores. Foto: divulgação.

A Samsung anunciou para outubro a sua primeira conferência para desenvolvedores, de olho em novas aplicações para seus diversos produtos e plataformas.

Segundo destacou a fabricante no site oficial do evento, a conferência será realizada em São Francisco entre os dias 27 e 29 de outubro, e as inscrições para empresas interessadas já estão abertas. A página completa do evento deve ir ao ar nas próximas semanas.

De acordo com o site norte-americano ARS Technica, a Samsung pode aproveitar a ocasião para se aproximar das empresas para reunir soluções para duas linhas prioritárias em seus produtos móveis, que são Android com a interface TouchWiz e Chrome OS para os Chromebooks.

Além disso, a empresa também pode dar mais detalhes sobre o seu trabalho em um novo sistema operacional móvel, o Tizen, desenvolvido pela japonesa NTT Docomo, que funciona em uma plataforma de código livre e deve chegar às lojas no fim deste ano.

A movimentação dos sul-coreanos em se aproximar dos desenvolvedores é um sinal de que a empresa pode ter segundas intenções apesar do bom momento vivido com o Google e o uso do Android.

Atualmente, a fabricante é a principal vendedora de dispositivos Android, com cerca de 5,1 bilhões de aparelhos vendidos, 95% do faturamento global da plataforma, conforme dados da consultoria Strategy Analytics.

De acordo com Casey Johnston, analista da ARS Technica, a conferência pode ser um sinal de que a Samsung quer mostrar sua força frente ao Google, para exercer algum controle sobre o projeto Android e, possivelmente, levar uma fatia da lucrativa operação mobile do Google.

Para John Koetsier, analista do site Venture Beat, devido à sua distribuição eficiente, bons produtos e estratégias de marketing, a Samsung agora tem a chance de ofuscar o brilho do Google no cenário Android.

"Agora, a grande questão no mercado Android é a seguinte: a Samsung se tornou mais poderosa que o Google?", disparou Koetsier.