RIO GRANDE DO SUL

Canoas informatiza saúde com MV

23/09/2016 15:15

Com algumas etapas já concluídas, o projeto redesenhou o fluxo de atendimento da cidade.

Projeto da MV em Canoas redesenhou o fluxo de atendimento em 45 unidades de saúde. Foto: Prefeitura de Canoas.

Tamanho da fonte: -A+A

A Secretaria Municipal de Saúde de Canoas, município da região metropolitana de Porto Alegre, está em fase de implantação de soluções da MV para gestão da informação. O contrato foi assinado em abril e tem valor total de R$ 1,87 milhão, válido por dois anos.

O objetivo do projeto é agilizar a prestação dos serviços públicos de saúde a mais de 340 mil habitantes. Com algumas etapas já concluídas, o projeto redesenhou o fluxo de atendimento nas 45 unidades de saúde.

Desenvolvido para atender especificamente às necessidades de Canoas, o novo módulo gerenciador de filas organiza por ordem cronológica consultas, procedimentos, demandas de vacinação e odontologia, além de permitir que os profissionais de saúde monitorem o atendimento aos cidadãos e realizem as chamadas por painéis de forma identificada.

Com isso, a rede evita o acúmulo de pessoas nas recepções, problema antes frequente nas unidades em Canoas.

Outra fase concluída foi a automação de processos no Centro de Assistência Farmacêutica, que acabaram com as dificuldades no gerenciamento de medicamentos e perda de tempo com preenchimento de planilhas. 

As soluções da MV facilitaram as movimentações de estoque, a segurança na dispensação e o controle de lote, validade e apresentação dos produtos.

Em relação ao serviço de imunização, além de acesso ao histórico de vacinação dos cidadãos, a informatização do processo está permitindo que as equipes visualizem o descritivo de vacinas, em que, além de lote e validade, constam dados sobre administração e aprazamento para aplicação de reforço ou outras vacinas.

O projeto da MV em Canoas está atualmente em processo de implantação do Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP) nas unidades de atenção básica. O objetivo é reunir, em um único ambiente on-line, informações clínicas e assistenciais dos atendimentos aos cidadãos.

A iniciativa também seguirá com a implantação de soluções para as áreas odontológica e ambulatorial e para a Central de Regulação, que vai controlar o fluxo de atendimento, evitando a superlotação das unidades de saúde pela distribuição mais equitativa de pacientes. 

Outra novidade ocorrerá no Teleagendamento. A substituição do sistema já existente possibilitará a total integração com os demais serviços de saúde. 

A MV também está contribuindo para facilitar a emissão do Cartão Canoas Saúde. Utilizado no município desde 2012, o recolhimento de dados para a produção do cartão ocorria de forma manual. 

A partir da integração das soluções MV ao Sistema de Cadastramento de Usuários do SUS (CADSUS), o processo ganhou agilidade. Hoje são gerados por dia cerca de 400 novos cartões.

A MV é uma das maiores empresas de software para saúde no país, com mais de 1 mil clientes no Brasil, na África e na América Latina. Na gestão de saúde municipal, são cerca de 170 clientes, como Votuporanga-SP, Toledo-PR, Osório-RS e Santa Maria-RS.

Em 2014, a MV alcançou uma receita líquida de R$ 161 milhões no ano passado, alta de 20% frente a 2013. A meta anunciada para 2015 foi de crescer novamente 20%, chegando a R$ 193 milhões, mas o resultado não foi divulgado.

Para 2015, a empresa divulgou apenas a receita bruta, de R$ 175 milhões.

Veja também

ERP
MV coloca Soul na nuvem Amazon

Líder brasileira no mercado de sistemas de gestão para saúde dá os primeiros passos na nuvem.

CIDADES
Gaspar adota MV na saúde

É a primeira cidade de Santa Catarina cliente da MV.

AMÉRICA LATINA
Philips tem diretor de TI em Saúde

Evandro Garcia é o diretor de Vendas, Marketing e Serviços de TI em Saúde para a América Latina. 

HOSPITAL
Casa da Saúde Campinas contrata MV

O hospital com 150 leitos vai adotar o Soul MV.

STARTUPS
Pfizer tem desafio de inovação em saúde

Três startups entrarão em um programa de mentoria com executivos da Pfizer.

SAÚDE
Unimed Chapecó adota soluções MV

A organização tem mais de 48 mil beneficiários.