Pop up avisou professores da demissão, sem maiores delongas. Foto: Arquivo Pessoal/Sinpro-SP

A Universidade Nove de Julho (Uninove) demitiu professores usando uma tela de pop up no sistema de educação a distância da instituição.

De acordo com o  Sindicato dos Professores de São Paulo (Sinpro-SP), foram demitidos 300 profissionais por meio da mensagem, sem aviso prévio ou maiores explicações sobre os motivos.

"Atenção! Prezado (a) professor (a), comunicamos que em 22 de junho de 2020, fica V. Sa. dispensada de prestar serviço a esta empresa sem obrigatoriedade inclusive do cumprimento do aviso prévio previsto em lei, o qual ser-lhe-á pago em conformidade com o que estabelece a legislação trabalhista pertinente", diz a mensagem, que para completar o quadro da dor foi escrita totalmente em CAPS.

A notificação pede que os professores devolvam crachá, cartão de acesso, do estacionamento e carteirinha do plano de saúde, bem como para dar baixa na carteira de trabalho. 

A instituição dá um prazo de dois dias úteis para que também sejam devolvidos qualquer equipamento, como computadores e celulares, que tenha sido oferecido a eles para as aulas virtuais. A não devolução está sujeita a "desconto nas verbas rescisórias", diz o informe.

Procurada, a Uninove não confirmou o número de demitidos ou o método pop up de demissões, se limitando a dizer que foi “ao limite para manter nosso quadro funcional”, em uma nota genérica que pode ser conferida abaixo. Nessa ocasião, a empresa optou por usar maiúsculas e minúsculas.

A Uninove é uma das maiores instituições de ensino superior privado do país, com cinco campi na capital paulista, outros 5 no interior do estado e 150 polos de educação a distância.

A nota da Uninove na íntegra

A Uninove preza como bem maior o ensino de milhares de alunos e a qualidade dos serviços oferecidos há mais de 50 anos.

Diante da pandemia que atingiu o mundo, tivemos que nos adaptar à nova situação e fomos ao limite para manter nosso quadro funcional e todas nossas obrigações contratuais em dia. Salários dos professores foram garantidos pontualmente e vultosos investimentos em tecnologia realizados. As mensalidades estão sendo renegociadas, tendo em vista a perda do poder aquisitivo de nossos alunos e seus familiares.

Todas as medidas de readequação foram necessárias para preservar o sonho dos futuros profissionais que aqui se formarão.

A Uninove reitera seu compromisso com a qualidade do ensino e acredita que essa situação é momentânea e será superada por todos com trabalho e confiança.

Agradecemos aos professores que contribuíram e aos que aqui permanecem contribuindo para a excelência e qualidade de nosso ensino.​