Plants Vs Zombies, uma das franquias mobile da EA. Foto: divulgação.

A Electronic Arts divulgou nesta quarta-feira os resultados de suas vendas no segundo trimestre, mostrando que as vendas de seus jogos via download já superam as vendas através dos meios físicos - DVDs ou Blu-ray.

As vendas digitais alcançaram US$ 482 milhões entre abril e junho de 2013, subindo cerca de 41% em relação ao mesmo período em 2012. Já as vendas de jogos "na caixinha" cairam de US$ 613 milhões para US$ 467 milhões em 2013, uma queda de aproximadamente 24%.

Segundo revelou a publisher em seu relatório, a empresa espera um "crescimento digital contínuo", com as vendas de jogos em caixa diminuindo a cada ano. A informação é do site inglês Gamasutra.

Além do mobile e dos consoles como o Xbox 360 e Playstation 3, a EA aposta bastante no crescimento de sua plataforma de venda digital de games para PC, a Origin, que ultrapassou a marca dos 50 milhões de usuários cadastrados.

Segundo destacou o executivo chefe de operações da EA, Peter Moore, a Apple foi um dos grandes parceiros da EA no impulso de suas vendas digitais, principalmente na plataforma mobile.

A EA investiu pesado na aquisição de títulos e marcas de sucesso nos jogos mobile, assegurando direitos de distribuição de games como Plants Vs. Zombies, assim como criando versões de franquias conhecidas como Fifa e Need For Speed.

Boa parte da receita não vem da compra dos jogos propriamente ditos, mas de conteúdos adicionais digitais para os títulos da empresa. Um exemplo é o game Fifa 13, que somou cerca de US$ 70 milhões em venda de add-ons. Outro exemplo é a franquia de tiro Battlefield.