VIRACOPOS

Grupo rouba carga de Apple em galpão da TAM

24/10/2012 11:09

Cena do crime. Foto: flickr.com/photos/31922083@N02

Tamanho da fonte: -A+A

Uma carga de iPhones e iPads avaliada pela polícia em R$ 3,9 milhões foi roubada de um depósito da TAM no aeroporto de Viracopos, em Campinas, na madrugada da terça-feira, 23.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a TAM informou que não sabe se a carga, que havia chegado de Brasília no mesmo dia, “estava no aeroporto para exportação ou se havia sido importada".

O boletim de ocorrência emitido pela polícia relata que o material foi roubado por um grupo de cerca de cinco assaltantes armados com pistolas e uma metralhadora.

O bando teria entrado no terminal por volta de 1h30, rendido aproximadamente dez pessoas, e cometido o roubo em torno de uma hora.

Ainda conforme o BO, os ladrões levaram todos os 13 lotes de produtos contidos na carga da Apple e, antes de sair, também roubaram câmeras de segurança e o computador do local, que registra as imagens de segurança.

Conforme a assessoria da Infraero, o galpão não pertence ao aeroporto campinense, que não vem vivendo seus melhores dias.

URUCUBACA?

Antes do roubo, sobre o qual a TAM informa que está tomando as providências cabíveis e colaborando com a polícia, o terminal de Viracopos teve sua pista de pousos e decolagens interditada no sábado, 13, devido a um incidente com uma aeronave cargueira da companhia americana Centurion, que teve problemas técnicos na aterrissagem.

A partir do incidente, a Azul, aérea responsável por 85% dos voos de passageiros em Viracopos, cancelou todos os voos até as 11h da segunda-feira, 15.

Foram mais de 200 voos cancelados, o que acarretou filas, esperas de até seis horas e deslocamentos de passageiros para os aeroportos de Guarulhos e Congonhas.

Veja também

TE LIGA
Furtos nos aeroportos de SP aumentam 35%

Em Cumbica, Congonhas e Viracopos, furtos subiram 35% nos primeiros quatro meses deste ano, em relação ao mesmo período de 2011.

Invepar, Triunfo e Engevix levam aeroportos

O consórcio liderado pela Invepar, a Triunfo e a Engevix venceram o leilão de concessões dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília realizado na tarde desta segunda-feira, 09, na BM&F Bovespa.

Ao todo, o leilão arrecadou R$ 24.535.132.500.

A Invepar, que no consórcio tem parceria com a sul-africana ACSA, venceu a disputa por Guarulhos, com oferta de R$ 16,213 bilhões, ágio de 373% em relação ao lance mínimo estipulado pelo governo (R$ 3,424 bilhões).

TIM melhora wifi em aeroportos de RJ e SP

A TIM instalou pontos de wifi nos aeroportos de Guarulhos e Congonhas, em São Paulo, Galeão e Santos Dumont, no Rio de Janeiro.

EFEITOS DA FUSÃO
TAM deixa Star Alliance

Grupo decidirá nos próximos meses se a TAM integrará a aliança da LAN, a Oneworld, ou se "ficará independente".

Campinas: R$ 1,3 bi de receita com software

Com R$ 1 bilhão de receita anual em 2010, o ecossistema de empresas de tecnologia da informação, de Campinas, interior de São Paulo, deve fechar 2011 com alta de 30% no balanço.

Essa é a expectativa do Núcleo Softex Campinas – órgão que reúne empresas do setor daquela região –, que projetou os percentuais com base no faturamento das 140 companhias associadas em 2010

OLHA ESSA
Ninguém xinga a Azul no Twitter

Pesquisa da Social Agency mostra que, em 37.896 tweets sobre Avianca, Azul, Gol e TAM, nenhum comentário sobre a Azul foi negativo.

TUDO AZUL
Azul e Trip fundem operações

Companhia Bozano e a Embraer estariam por trás da fusão, que pode dar à Azul uma fatia de 15% do mercado brasileiro de voos domésticos, contra 38% da TAM e 34,4% da GOL.

Azul triplica call center com CRM Oracle

A Azul Linhas Aéreas triplicou a capacidade de atendimento de seu call center via web com a adoção do Oracle CRM On Demand.

Com a solução, a companhia conseguiu aumentar a operação de 100 atendentes iniciais para 300 em menos de um ano, devido não só a recursos de atendimento, mas principalmente de gestão de todo o relacionamento com o cliente, partindo de tarefas como reserva de passagens, até alterações e pesquisas finais.